Adjunto de Paulo Bento é o novo treinador do Marítimo

Após 11 épocas como treinador adjunto, Leonel Pontes, aos 41 anos, vai estrear-se como treinador principal, depois do Mundial 2014.

Leonel Pontes, adjunto de Paulo Bento na seleção nacional, vai substituir Pedro Martins no cargo de treinador do Marítimo, após ter chegado a acordo com Carlos Pereira, presidente dos insulares, para um vínculo válido para as próximas duas épocas.

Aos 41 anos, Leonel Pontes vai estrear-se como treinador principal, sendo que ainda acompanhará a seleção nacional no Mundial 2014, antes de rumar aos Barreiros.

O técnico teve a melhor nota no curso de treinadores UEFA Pro nível IV, com 17,5 valores, em 2009, tendo sido treinador adjunto em toda a carreira: no Sporting, entre 2002/03 e 2008/09, passou por equipa B, juniores e equipa principal; após Paulo Bento ter deixado Alvalade, Leonel Pontes seguiu o mesmo caminho, rumo, posteriormente, à seleção nacional.

A uma jornada do final da I Liga, o Marítimo é 6.º classificado e não vai participar nas competições europeias em 2014/15. Pedro Martins, que orienta o clube madeirense desde 2010/11, vai deixar os Barreiros, sem ter o seu futuro definido.

"Recebi o convite do Marítimo com enorme orgulho e satisfação pelo reconhecimento do meu trabalho de mais de 10 anos como treinador. Sem prejuízo da responsabilidade e do prazer que tenho em integrar a equipa técnica da Seleção Nacional, esta é uma oportunidade fantástica de progressão na minha carreira, pelo que estou muito agradecido ao Presidente da FPF, Fernando Gomes, e ao Paulo Bento por terem facilitado este processo. Não posso deixar de expressar também o meu agradecimento ao Presidente do Clube, Carlos Pereira, pela confiança em mim demonstrada", disse Leonel Pontes, nascido em Porto da Cruz, citado pelo sítio oficial da Federação Portuguesa de Futebol.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG