Van Gaal: "É altura de deixar de favorecer o anfitrião"

O novo treinador do Manchester United despede-se da Holanda com o 3.º lugar do Mundial 2014 e com críticas à FIFA.

O facto de a Holanda ter conquistado o 3.º lugar no Mundial 2014 não muda o pensamento de Van Gaal, que defende que o jogo de atribuição ao último lugar do pódio não se deveria disputar.

"Insisto na ideia de que este jogo não deveria ser jogado, mas conquistar o terceiro lugar frente ao Brasil foi como ver a luz ao fundo do túnel. Seja como for, é altura de a FIFA se interrogar se não é altura de deixar de favorecer o país anfitrião. O Brasil jogou uma dia antes de nós o seu jogo das meias-finais e teve 24 horas mais para recuperar e preparar o jogo do terceiro e quarto lugares", argumentou.

O agora treinador do Manchester United despede-se do o sentimento de dever cumprido à frente da Holanda. "O meu sonho era ser campeão do Mundo e, em função do que jogámos, penso que o merecíamos, mas o terceiro lugar também é importante. Estou satisfeito por terminar este Mundial sem ter perdido qualquer jogo", frisou.

"Vou deixar o cargo para assumir a liderança no Manchester United, mas esta seleção holandesa tem uma boa base e um grande futuro. Não tenho dúvidas de que fará um grande Europeu dentro de dois anos, em França", completou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG