UEFA analisa recursos de Sérvia e Albânia a 2 de dezembro

Em causa estão os incidentes que ocorreram no jogo de 14 de outubro, entre a Sérvia e Albânia, para a fase de grupos do apuramento para o Euro 2016.

O recurso das federações de futebol sérvia e albanesa, punidas pelos incidentes no jogo entre as duas seleções, a 14 de outubro, em Belgrado, será examinado a 2 de dezembro pelo Comité de Apelo da UEFA, anuncioueste organismo.

A decisão de primeira instância da UEFA atribuiu a vitória à Sérvia por 3-0, após a suspensão do jogo aos 41 minutos, mas puniu-a, ao mesmo tempo, com a retirada de três pontos e a aplicação de um castigo de dois jogos à porta fechada. As duas federações foram ainda multadas no montante de 100.000 euros cada.

O jogo foi interrompido quando o resultado registava 0-0, mas as duas federações rejeitaram a responsabilidade pelos incidentes, que envolveram uma mini-invasão de campo e trocas de agressões entre alguns espetadores e jogadores albaneses.

Estes incidentes foram espoletados pelo lançamento de um drone, que sobrevoou o estádio com uma bandeira da "Grande Albânia", um projeto nacionalista que visa juntar num mesmo Estado as comunidades albanesas dos Balcãs. Nas bancadas só assistiram ao jogo adeptos sérvios, por recomendação da UEFA.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG