Ronaldo termina a época com mais um recorde

Real Madrid goleia, chega aos cem pontos e passa a barreira dos 120 golos. Málaga vai à Champions, Postiga marca na salvação do Saragoça e Villarreal desce de divisão.

A edição 2011/12 da Liga espanhola terminou da mesma maneira que começou: com o Real Madrid, liderado por Cristiano Ronaldo, a golear e a bater recordes. Este domingo, Mourinho e companhia despediram-se do Santiago Bernabéu com uma vitória por 4-1 sobre o Maiorca, triunfo com a marca de CR7.

O extremo português não conseguiu evitar que Messi se tornasse no 'pichichi' da Liga - o argentino termina a época com 50 (!) golos -, mas converteu-se no primeiro jogador da história do futebol espanhol a marcar a 19 equipas diferentes na mesma edição da Liga. O mesmo é dizer que marcou a todos os adversários e ajudou o Real Madrid a chegar à história marca de 121 golos em 38 jogos. Frente ao Maiorca, Benzema e Özil (2) ajudaram a completar a goleada, onde os merengues ficaram a dever a si próprios outros tantos golos. E Mourinho conseguiu levar o Real Madrid à marca de cem pontos na Liga, superando os 99 do Barça de Guardiola, em 2010.

Ainda havia muito para jogar nesta última jornada da Liga espanhola, onde não estava excluída a hipótese de haver surpresas. A maior de todas foi a despromoção do Villarreal à segunda Liga, equipa que está habituada a lutar pelas competições europeias. Por outro lado, os portugueses fizeram a festa: Hélder Postiga marcou no triunfo do Saragoça frente ao Getafe, por 0-2, numa partida onde a equipa da casa terminou com três polémicas expulsões.

Por outro lado, o colombiano Radamel Falcao "garantiu" a permanência do Granada, de Carlos Martins, na primeira Liga. A equipa do médio português esteve em risco de descer até aos últimos minutos da jornada, mas o golo de Falcao frente ao Villarreal, na vitória por 0-1 do Atlético Madrid, despromoveu o "submarino amarelo", que desce com a companhia de Sporting Gijón e Racing Santander.

E os colchoneros lá conseguiram garantir a vaga na Liga europa, que esteve a quatro minutos de ir para o Osasuna. O Atlético Madrid falhou, no entanto, o acesso à Liga dos Campeões, isto porque o Málaga venceu o Sporting, por 1-0, e garantiu o quarto lugar, a três pontos do Valência.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG