River Plate entra com queixa-crime contra Passarella

O presidente do River Plate, Rodolfo D'Onofrio, apresentou esta quarta-feira uma queixa-crime por fraude contra o seu antecessor, Daniel Passarella, depois de ter recebido o relatório da consultora que fez a auditoria ao clube argentino.

"Com a responsabilidade que me cabe como presidente do River, se houve algum crime vamos denunciá-lo em sede própria, ou seja, na Justiça. Temos que terminar com a impunidade no River", afirmou D'Onofrio à agência Télam.

O atual vice-presidente, Jorge Brito, já tinha avisado que depois da auditoria realizada pela consultora, o clube ia reunir a informação e pô-la à "disposição da Justiça", acrescentando ainda que "a era de Passarella foi um período negro para a história do River".

Segundo o jornal Olé, a denúncia por "ações fraudulentas" foi apresentada pelo presidente e acompanhada pelos restantes dirigentes do clube ao Tribunal Nacional de Instrução Criminal Número 28.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG