Real Madrid celebra a "décima" com reviravolta histórica

O Atlético de Madrid esteve a dois minutos de ser campeão europeu, mas Sergio Ramos (90+3') levou o jogo para prolongamento, que acabou em goleada merengue e com golo de Cristiano Ronaldo.

Eis a "décima". O Real Madrid conquistou o seu 10.º título de campeão europeu, o quarto na era Liga dos Campeões, ao derrotar o Atlético de Madrid, por 4-1, no Estádio da Luz, após prolongamento. Fábio Coentrão, Pepe e Cristiano Ronaldo protagonizam a festa lusa em Lisboa, após o Atlético, de Tiago, ter estado a escassos dois minutos de vencer a Champions pela primeira vez. Repetiu-se, porém, o "golpe de teatro" de 1974, em que o Atlético viu o título "fugir" no último minuto do prolongamento da final frente ao Bayern Munique (na finalíssima, os alemães golearam por 4-0).

Importa, precisamente, começar pelo minuto 90+3': na sequência de um pontapé de canto, Sergio Ramos cabeceou para o fundo das redes e forçou o prolongamento, deitando por terra o esforço e empenho do Atlético ao longo de 90 minutos. Diego Simeone voltou a dar uma lição de como defender sem utilizar o "autocarro". Aliás, usou o "autocarro", mas apenas para "atropelar" o adversário, tamanha que foi a pressão aplicada em todos os momentos do jogo. O Atlético não tem jogadores que saibam fazer tudo (individualmente, poucos teriam lugar no Real Madrid), mas todos sabem o que têm de fazer.

Apesar da lesão de Diego Costa, aos nove minutos, os colchoneros chegaram à vantagem aos 36': Diego Godín, autor do golo do título em Camp Nou, aproveitou as falhas de Khedira e Casillas para faturar. Com Pepe no banco, Coentrão a "meio gás" e Cristiano Ronaldo completamente "apagado" em quase todo o jogo, o Real Madrid teve de correr atrás do prejuízo, com Modric a carregar o "piano" e Di María, o melhor jogador da final, a ser um poço inesgotável de energia, velocidade e criatividade ao longo de 120 minutos. Bale apareceu a espaços, mas desperdiçou as duas melhores ocasiões em 90 minutos.

Depois do golo "milagroso" de Sergio Ramos, o Real Madrid perfilou-se como o mais forte candidato à vitória no prolongamento. Mais fresco fisicamente e mais forte individualmente, a equipa de Ancelotti assumiu a responsabilidade de resolver o jogo antes dos penáltis e foi premiada aos 110', com Bale a cabecear para o fundo das redes, após uma primeira defesa de Courtois, a remate de Di María. O Atlético de Madrid não tinha forças para muito mais, mas o sonho "morreu" definitivamente quando Marcelo, aos 116', rematou forte e bateu Courtois. O vencedor estava encontrado, mas faltava "algo" à festa blanca: Cristiano Ronaldo.

Depois de 120 minutos em que CR7, longe da melhor forma, fez uma exibição muito aquém de qualquer expetativa, o extremo português arrancou o penálti que converteu no 4-1 final. O Bola de Ouro 2013 e Bota de Ouro 2013/14 fez 17 golos na Liga dos Campeões, o recorde absoluto numa só edição da prova, apesar de o prémio MVP (jogador mais valioso) da final ter ido, com total mérito, para as mãos de Di María. O Real Madrid faz a festa na Europa 12 anos depois, com Carlo Ancelotti a igualar o recorde de Robert Paisley, vencedor de três Champions. O conto de fadas do Atlético terminou de forma "cruel" e o Real Madrid qualifica-se para a Supertaça Europeia (contra o Sevilha) e para o Mundial de Clubes de 2014.

Filme do jogo:

120+4' Final do jogo! O Real Madrid é campeão europeu pela décima vez no seu historial!

120+3' Diego Simeone é expulso.

120+2' E está o caldo entornado: Diego Simeone desentende-se com um jogador do Real Madrid. Sucedem-se empurrões...

120' GOLO DO REAL MADRID! CRISTIANO RONALDO FAZ O 4-1! Courtois para um lado, bola para o outro. CR7 faz uma exibição para esquecer... e para recordar, pois acaba por marcar e vai vencer a Liga dos Campeões pela segunda vez.

120' Penálti para o Real Madrid! Cristiano Ronaldo arranca um penálti e vai ele próprio ter a oportunidade de faturar na final.

119' Cartão amarelo para Marcelo, por ter tirado a camisola.

118' GOLO DO REAL MADRID! MARCELO FAZ O 3-1! Acabaram as dúvidas: o Real Madrid vai ser campeão europeu pela décima vez, após Marcelo ter "furado" a defesa do Atlético e rematado forte para o 3-1, apesar de Courtois ainda ter tocado na bola.

117' Ronaldo escorrega! Morata soltou o extremo esquerdo, mas CR7, antes de rematar, escorregou.

117' Tiago tenta isolar Adrián, mas Varane conseguiu o corte.

115' O Atlético de Madrid arrisca tudo, com Godín a jogar a ponta-de-lança. A ordem é "bombear" a bola para a grande área do Real Madrid.

113' Tiago desperdiça! Casillas volta a sair-se mal da baliza e Tiago, na "sobra", tentou o remate, mas era difícil acertar daquela posição.

112' Em 1974, o Atlético de Madrid não foi campeão europeu porque Scwarzenbeck fez um golo no último minuto pelo Bayern Munique. O filme está à beira de se repetir...

110' GOLO DO REAL MADRID! GARETH BALE FAZ O 2-1! O Real Madrid dá a volta ao jogo no Santiago Bernabéu, com Di María a arrancar e a entrar na grande área; o argentino rematou para defesa "milagrosa" de Courtois, mas a bola sobrou para Bale, que estava no sítio certo para encostar de cabeça.

109' Cabeceamento de Godín, para Casillas defender.

108' Remate de Modric, para Courtois segurar.

107' O Atlético de Madrid é a equipa que mais pensa nos penáltis, a avaliar pela postura e condição física dos dois clubes.

106' Início da segunda parte do prolongamento. Bola para o Atlético.

105+2' Intervalo no prolongamento, para troca de campo.

105+2' Cabeceamento de Varane, para Courtois agarrar. Simeone vai protestar com o árbitro, alegando que o tempo já tinha sido esgotado e que o Real poderia ter marcado...

105' Um minuto de compensação...

103' Real Madrid mais forte no prolongamento, diante de um Atlético que poucas vezes tem saído para o ataque.

101' Pontapé livre de Ronaldo, contra a barreira e a sair para canto. A bola bateu no cotovelo de Gabi e CR7 pede penálti efusivamente...

100' Cartão amarelo para Gabi, por travar Marcelo.

98' Marcelo, muito melhor do que Coentrão esteve na partida, cria o desequilíbrio na grande área e cruza com perigo, mas Morata não conseguiu desviar.

97' Ronaldo tentava o remate, mas escorregou.

96' Cristiano Ronaldo continua "desaparecido". Modric e Dí Maria estão a ser os melhores do Real Madrid, desde o início do jogo.

94' Juanfran surge com muitas queixas no prolongamento, após entrada de Morata, mas não há mais alterações disponíveis.

92' Na distância acumulada, a equipa do Real Madrid já correu 111,9 quilómetros. O Atlético correu 116 quilómetros.

90' Início do prolongamento! Bola para o Real Madrid.

90+5' Fim do tempo regulamentar! Segue-se o prolongamento para decidir o título europeu.

90+4' O Real Madrid ganha, agora, no fator anímico antes do inevitável prolongamento.

90+3' GOLO DO REAL MADRID! SERGIO RAMOS FAZ O 1-1! Golpe de teatro na Luz! Na sequência de um canto, Sergio Ramos ganhou a Tiago nas alturas e, de cabeça, desviou para o fundo das redes. Courtois não tinha hipóteses.

90+3' O Real Madrid ataca com tudo, o Atlético defende com todos.

90+1' Pontapé livre de Sosa, para Casillas segurar.

90' Cinco minutos de compensação...

90' Incrível ação de Villa no último minuto, a correr 40 metros para travar um ataque do Real Madrid e, depois, a arrancar duas faltas e a ganhar alguns segundos.

88' Já ninguém aguenta de pé no banco de suplentes. O Atlético de Madrid está a resistir à fase em que o Real Madrid deveria procurar os "chuveirinhos".

86' Cartão amarelo para Koke, por conduta antidesportiva.

85' O Atlético tenta, naturalmente, jogar com o relógio, para insatisfação do Real Madrid.

84' Marcelo cruza com perigo, mas Courtois acaba por resolver o lance.

83' Substituição no Atlético. Saiu Filipe Luís e entrou Alderweireled.

82' Filipe Luís já não aguenta mais e pede substituição.

81' Já só dá Real Madrid na partida. O Atlético de Madrid defende com onze homens no seu meio-campo.

79' Excelente desarme de Godín, a impedir o remate de Isco.

79' Substituição no Real Madrid. Saiu Benzema e entrou Morata. Exibição para esquecer do francês, condicionado fisicamente.

78' Que perdida de Bale! O galês embalou para a baliza e entrou na grande área, mas finalizou mal, com o pé esquerdo, com um remate ao lado.

76' O Atlético ainda não fez nenhum remate na segunda parte. A ordem é cada vez mais para defender.

75' Remate acrobático de Cristiano Ronaldo, a sair por cima do alvo.

74' Cartão amarelo para Juanfran, por derrubar Di María. O argentino "arrancou" três cartões ao Atlético.

73' Remate fortíssimo de Gareth Bale, mas a sair ao lado do alvo.

72' Cruzamento perigoso de Sosa, mas Casillas antecipa-se a David Villa, que acaba por fazer falta sobre o guarda-redes.

71' Cristiano Ronaldo e Gareth Bale pouco ou nada estão a conseguir produzir. No Real Madrid só Modric e Dí Maria "mexem" com o jogo.

70' Di María invade a grande área, mas Filipe Luis afasta o perigo.

69' Os jogadores do Atlético começam a demonstrar algum cansaço, sobretudo David Villa. Cada treinador só pode fazer mais uma substituição.

67' Remate de Isco, em zona central, ao lado do alvo.

66' Substituição no Atlético de Madrid. Saiu Raúl Garcia e entrou Sosa.

64' Real Madrid com sete remates (três à baliza) e 45 ataques. O Atlético rematou seis vezes (três à baliza) e atacou 30. Posse de bola é de 56% para o Real.

62' Ronaldo falha por pouco! Cruzamento de Sergio Ramos e desvio de cabeça de Ronaldo, que não acertou bem na bola e esta saiu ao lado do alvo.

61' Corte providencial de Varane, a impedir a finalização de Adrián. Alguém deu pela falta de Diego Costa?

59' Dupla substituição no Real Madrid. Saíram Coentrão e Khedira e entraram Isco e Marcelo.

57' Remate perigosíssimo de Adrián, na grande área, a sofrer um desvio e a passar perto do alvo.

57' Ancelotti chama Isco e Marcelo. Khedira será, certamente, um dos homens a sair.

56' Carvajal, após uma primeira falha, desarma Adrián já dentro da grande área.

54' Defesa de Courtois, após pontapé livre de Ronaldo.

53' Cartão amarelo para Miranda, por derrubar Di María. Livre para CR7 tentar converter no empate...

52' Khedira está mal no jogo. O médio alemão, recorde-se, esteve cinco meses lesionado e em 2014 só soma 121 minutos de jogo. Illarramendi custou 38 milhões de euros e está no banco...

51' Remate de primeira de Raúl García, a sair por cima do alvo.

49' Atlético de Madrid a pressionar alto neste início de segunda parte, impedindo o Real Madrid de se aproximar da grande área adversária. Ronaldo é forçado a baixar no terreno para ir buscar jogo.

48' No Real Madrid, aquecem Illarramendi, Marcelo e Isco.

47' Diego, Sosa e Mario Suárez aquecem no Atlético.

46' Início da segunda parte! Bola para o Atlético.

45+2' Intervalo no Estádio da Luz. O Atlético de Madrid está a vencer o Real Madrid, por 1-0, golo de Godín (36'), na final da Liga dos Campeões.

45+1' Cartão amarelo para Khedira, por travar David Villa.

45' Um minuto de compensação...

43' O Atlético não deixa o Real Madrid "respirar". Pressão asfixiante, à procura de chegar ao intervalo com a preciosa vantagem no marcador.

41' Cabeceamento perigoso de Adrián López, por cima do alvo.

40' Nas últimas 36 edições da final da Champions, 30 das equipas que inauguraram o marcador foram campeãs europeias.

38' Se já era difícil marcar a este Atlético, o Real Madrid enfrenta, agora, uma tarefa ainda mais difícil na Luz.

36' GOLO DO ATLÉTICO DE MADRID! DIEGO GODÍN FAZ O 0-1! Na sequência de um pontapé de canto, o Atlético de Madrid adianta-se no marcador. Godín, de cabeça, de costas para a baliza, faz a bola passar por cima de Casillas, que hesitou na saída, e esta acabar por ultrapassar a linha de baliza, apesar de o guardião ainda ter dado uma "palmada". Pelo sim e pelo não, Raúl García empurrou para o fundo das redes. Não esteve bem, Casillas, mas Khedira também falhou na marcação.

34' Modric joga e faz jogar no meio-campo do Real Madrid, pois Bale e Ronaldo não estão a conseguir ter espaço para aparecer. Ancelotti pede aos extremos para procurarem jogo interior, de modo a permitir a subida dos laterais.

32' Que perdida do Real Madrid! Tiago falha na saída de bola e permite que Gareth Bale embale para a baliza, mas o galês, isolado mas já pressionado pelo médio português, atirou ao lado do alvo, já dentro da grande área!

31' Atlético de Madrid volta a dar uma lição de como defender bem sem usar um "autocarro". A equipa de Simeone é rápida na reação à perda da bola, ocupa bem os espaços, raramente se desequilibra e não deixa o portador da bola sem pressão.

30' Coke com duas entradas violentas seguidas. Não houve cartão em nenhuma delas.

28' Pontapé livre de Cristiano Ronaldo, para Courtois segurar.

27' Cartão amarelo para Sergio Ramos, por protestos.

26' Cartão amarelo para Raúl Garcia, por derrubar Di María, que ia embalado para a baliza adversária, a alta velocidade.

25' Adrian obriga Sergio Ramos a um corte arriscado, que resulta no primeiro pontapé de canto na partida.

23' Modric remata/cruza em arco, para Courtois segurar tranquilamente.

22' Gabi derruba Coentrão, que conquista um livre perigoso para o Real Madrid.

21' Cruzamento "puxado" de Carvajal, para Courtois segurar.

20' Tiago a destacar-se à frente da defesa do Atlético, procurando "vigiar" as movimentações de Di María e Modric, até ver com sucesso.

18' O Real Madrid ainda não conseguiu tentar nenhum remate. O Atlético defende coeso e não concede espaços para diagonais.

16' Gabi e Coentrão "pegam-se" junto à linha, mas o desentendimento foi resolvido sem admoestações.

15' Real Madrid com 65% de posse de bola e 10 ataques, contra cinco do Atlético.

13' Raúl García faz o primeiro remate do jogo, sem perigo para Casillas.

12' Real Madrid "instalado" no meio-campo do Atlético e a explorar toda a largura do terreno. Há, porém, pouco espaço para jogar. Ronaldo e Bale ainda não tiveram espaço para o um-para-um.

11' O Atlético de Madrid mantém a matriz de jogo, com Adrian no lugar de Diego Costa.

9' Substituição no Atlético. Saiu Diego Costa e entrou Adrian López. O hispano-brasileiro arriscou, sem estar nas melhores condições, e o Atlético acaba por queimar uma substituição bem cedo.

9' Diego Costa vai sair! Adrian López aquece e já se prepara para entrar.

8' Diego Costa procurava espaço para o remate, na grande área, mas não o encontrou e a bola saiu pela linha de fundo.

7' Atlético a "entregar" a bola ao Real Madrid, mas a pressionar forte no início de construção, tentando evitar que Modric faça o primeiro passe.

6' Benzema tentava isolar Bale, mas Courtois foi rápido na antecipação.

5' Carvajal tentava o cruzamento para Cristiano Ronaldo, que chocou com um defesa na grande área.

4' Real Madrid a procurar impor o domínio nos minutos iniciais e com muita bola no meio-campo adversário.

3' O Real Madrid joga no habitual 4x3x3, enquanto o Atlético mantém o tradicional 4x4x2.

1' Björn Kuipers apita para o início da final! Bola para o Real Madrid.

ATLÉTICO DE MADRID: Courtois; Juanfran, Godín, Miranda, Filipe Luís; Tiago, Gabi, Koke, Raúl García; David Villa e Diego Costa. Suplentes: Aranzubia; Toby Alderweireld, Sosa, Mario Suárez, Diego, Adrián e Cristian Rodriguez.

REAL MADRID: Casillas; Carvajal, Varane, Sergio Ramos, Fábio Coentrão; Di María, Khedira, Modric; Gareth Bale, Cristiano Ronaldo e Benzema. Suplentes: Diego López; Arbeloa, Pepe, Marcelo, Illarramendi, Isco e Morata.

Antevisão e curiosidades:

19.42 - Terminada a cerimónia de abertura, vai começar a final da Liga dos Campeões 2013/14.

19.35 - Decorre a cerimónia de abertura no Estádio da Luz. Luís Figo, embaixador da final, já exibiu o troféu. A fadista Mariza vai cantar antes da final.

19.33 - É a vez do Atlético terminar o aquecimento. Segue-se a cerimónia de abertura.

19.30 - O Real Madrid já recolheu aos balneários. Cristiano Ronaldo treinou-se com uma proteção no joelho esquerdo.

19.10 - Tempo dos exercícios de aquecimento no Estádio da Luz.

18.50 - Pepe não está a 100% e fica, por isso, no banco. No caso do Atlético, Arda Turan nem no banco se senta e é substituído por Raúl García na equipa titular.

18.45 - A uma hora do início da final, milhares de adeptos já preenchem as bancadas do Estádio da Luz, mas ainda há praticamente meia casa por "encher".

18.40 - Jorge Jesus, treinador do Benfica, considera que "o Real Madrid é favorito", devido a "Cristiano Ronaldo" num ano em que "o futebol ibérico esteve em alta". "Mas atenção, o Atlético é das equipas, coletivamente, mais fortes da Europa", alertou.

18.35 - Já há equipas titulares. Coentrão e Ronaldo vão ser titulares no Real Madrid, pelo Atlético vão jogar Tiago e Diego Costa. "Onzes" completos dentro de momentos.

18.30 - Daqui a pouco serão anunciadas as equipas titulares...

18.17 - A equipa do Atlético também já chegou ao Estádio da Luz.

18.10 - O autocarro do Real Madrid chega à Luz.

18.00 - É a vez do autocarro do Real Madrid rumar à Luz. Cristiano Ronaldo, o mais aplaudido, ainda deu um autógrafo antes de entrar no autocarro e deu um sinal de confiança aos adeptos. Pepe foi mais efusivo, com o punho cerrado.

17.56 - O autocarro do Atlético de Madrid já está a caminho do Estádio da Luz.

17.55 - Os jogadores e staff dos respetivos clubes entram nos autocarros, que vão rumar à Luz dentro de momentos.

17.50 - Milhares de adeptos do Real Madrid enchem o Rossio, enquanto o Parque Eduardo VII é preenchido pelos fãs do Atlético de Madrid.

17.45 - Um adepto fez rebentar um petardo perto do hotel em que está hospedado o Atlético de Madrid, tendo sido prontamente identificado.

17.40 - Ambiente de enorme festa nas imediações do Estádio da Luz, sobretudo "regada" a cerveja, mas para já sem incidentes a registar entre os adeptos.

17.30 - As equipas de Real Madrid e Atlético deverão deixar os respetivos hotéis nos próximos minutos.

17.20 - Segundo as últimas informações, Diego Costa vai poder ser utilizado no Estádio da Luz, ele que estava em dúvida.

17.15 - As portas do Estádio da Luz já foram abertas e as primeiras dezenas de adeptos vão entrando na Luz.

17.10 - Foram roubados, no hotel em que está hospedada a equipa do Atlético de Madrid, 25 envelopes com bilhetes para a final da Liga dos Campeões. A UEFA já foi informada do sucedido.

17.05 - Ainda há quem procure bilhete para a final, no mercado negro. Os preços chegam a cinco mil euros.

17.00 - O Real Madrid chega aos 200 jogos na Liga dos Campeões, igualando o registo do Manchester United.

16.55 - O Real Madrid pode tornar-se o primeiro clube a ganhar quatro Ligas dos Campeões (não confundir com Taça dos Campeões Europeus), superando as três de AC Milan e Barcelona. Em termos absolutos, o Real Madrid tem nove títulos de campeão europeu, o recorde.

16.50 - Nas últimas três edições da Liga dos Campeões, a equipa que eliminou o Barcelona foi campeã europeia. O Atlético fê-lo este ano.

16.45 - Ancelotti pode tornar-se o quinto treinador a ganhar a Champions por dois clubes diferentes, juntando-se a José Mourinho.

16.40 - Casillas, que é suplente na Liga espanhola, nunca perdeu contra o Atlético como titular do Real. Já lá vão 26 jogos...

16.35 - O Real Madrid nunca venceu um jogo em Lisboa, apesar de já ter defrontado o Benfica uma vez e o Sporting duas.

16.30 - O holandês Björn Kuipers apita a terceira final europeia da carreira, depois da Supertaça de 2010 e da Liga Europa de 2013.

16.25 - Cristiano Ronaldo, com 16 golos, já é recordista de golos numa só edição da Champions. A nível europeu, o recorde absoluto é de Radamel Falcao, com 18 golos pelo FC Porto, na Liga Europa (2010/11).

16.20 - Ancelotti disputa a quarta final da Champions da carreira, igualando os recordes de Muñoz, Alex Ferguson e Lippi. Venceu duas pelo AC Milan, em 2003 e 2007.

16.15 - Iker Casillas pode tornar-se o terceiro jogador a vencer Liga dos Campeões, Europeu e Mundial de seleções, depois de Deschamps e Beckenbauer.

16.10 - O Atlético chega à final sem ter sofrido qualquer derrota. Se vencer, será o 10.º campeão europeu invicto.

16.05 - Só Casillas, Xabi Alonso, Cristiano Ronaldo, Arbela e Pepe, do lado do Real Madrid, já jogaram finais europeias. No Atlético, há 14 jogadores com essa experiência.

16.00 - Real Madrid e Atlético defrontam-se pela 253.ª vez. Até aqui, os merengues venceram 134 partidas e o Atlético 62. Empataram 56 vezes.

Real Madrid e Atlético de Madrid disputam, neste sábado (19.45), a final da Liga dos Campeões, no Estádio da Luz, em Lisboa, após os colchoneros terem superado os rivais na luta pelo título de campeão espanhol. A equipa de Fábio Coentrão, Pepe e Cristiano Ronaldo procura o décimo título de campeão europeu, enquanto a formação do português Tiago sonha com o primeiro, após ter conquistado duas Ligas Europa e duas Supertaças Europeias nos últimos cinco anos.

A equipa de Diego Simeone vive um autêntico "conto de fadas", tendo conseguido chegar à final da Champions 40 anos depois, apesar de possuir um orçamento na ordem dos 125 milhões de euros, um quarto da verba do Real Madrid. O técnico argentino, no entanto, "espremeu" todo o talento que o plantel tinha para oferecer, ainda que seja insuficiente para chegar a Lisboa com o rótulo de favorito, até porque Diego Costa, estrela da equipa, está em dúvida.

Do lado do Real Madrid, a "obsessão" pela "décima" está em alta, ou não fossem os merengues (relativos) favoritos à conquista do troféu, pelo menos se olharmos para o leque de estrelas à disposição de Ancelotti. Pepe está lesionado e não vai a jogo, mas Cristiano Ronaldo recuperou e vai tentar vencer a sua segunda Liga dos Campeões, ele que já é recordista de golos (16) numa só edição da prova. Vencer esta prova, que encerra a época 2013/14, dará, ainda, entrada na Supertaça e no Mundial de Clubes de 2014.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG