Qatar preparado para acolher a Taça das Nações Africanas

Após a CAF ter recusado o pedido de Marrocos para adiar a CAN, o Qatar, anfitrião do Mundial 2022, mostrou disponibilidade para acolher o evento dentro de dois meses.

O Qatar, anfitrião do Mundial 2022, manifestou-se nesta quinta-feira pronto para acolher a Taça das Nações Africanas (CAN) de 2015, depois Marrocos ter abdicado de organizar o torneio dentro de dois meses, anunciou o presidente da Federação de futebol local.

De acordo com o sheihk Hamad Bin Khalifa Bin Ahmed Al-Thani, não foi feito ao Qatar nenhum pedido "oficial" para ser o anfitrião da competição, que decorrerá entre 17 de janeiro e 08 de fevereiro de 2015.

"O Qatar está pronto a dar toda a ajuda que seja solicitada oficialmente para organizar a CAN 2015", declarou o presidente da federação do Qatar em comunicado.

O comunicado contradiz uma declaração de quarta-feira do vice-presidente da mesma federação, para quem uma eventual candidatura do Qatar "não fazia sentido".

A CAF anunciou na terça-feira que Marrocos não vai organizar a CAN 2015, depois do governo de Rabat ter pedido um adiamento para 2016 por medo da propagação do vírus Ébola, tendo a seleção marroquina sido igualmente excluída da prova.

"Existem muitas razões que nos impedem de alterar as datas da competição. Temos um problema com os clubes franceses, que não vão deixar os jogadores africanos participar, caso a data da CAN2015 se altere", disse Hayatou, que não se pronunciou sobre a possibilidade de serem um ou dois países a organizar a competição.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG