Mourinho expulso pelo mesmo árbitro pela segunda vez

Juiz Paradas Romero escreveu que não gostou de ver as suas decisões contestadas pelo treinador do Real Madrid

O árbitro andaluz Paradas Romero, que arbitrou o Villarreal-Real Madrid esta quarta-feira, expulsou esta quarta-feira José Mourinho pela segunda vez desde que o treinador português chegou a Espanha. A primeira vez havia sido em outubro de 2010, em Múrcia, num jogo da Taça do Rei.

Segundo o relatório do juiz da partida, o técnico recebeu um primeiro aviso ao minuto 53 "por fazer observações de uma decisão" tomada por Romero, que aos 82 minutos deu ordem de expulsão a Mourinho "por sair da área técnica para fazer observações sobre mais uma decisão" do árbitro durante o jogo.

Por sua vez, o treinador adjunto Rui Faria foi expulso pela quarta vez desde que está no Real Madrid, tendo três delas sido esta época.

No final da partida, a tensão e os nervos da comitiva merengue era enorme, razão pela qual, nem treinadores nem jogadores prestaram declarações após a partida.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG