Luciano Zauri salva menina que tinha caído num poço

O jogador da Lazio foi promovido a herói nacional depois de salvar a criança de apenas sete anos que já só tinha a cabeça fora da água.

Luciano Zauri bem foi procurado por toda a imprensa italiana, mas a verdade é que recusou receber o protagonismo imediato pelo salvamento de uma menina de apenas sete anos numa rua em Roma.

O incidente foi explicado apenas à rádio oficial da Lazio, emblema que o veterano jogador (35 anos) representa, através da qual Zauri preferiu atribuiu o mérito à menina, que curiosamente é neta de Zbigniew Boniek, uma das maiores glórias do futebol polaco, atualmente presidente da federação de futebol daquele país.

"Estava a almoçar num restaurante, quando se instalou o pânico. Houve gritos e pessoas a chorar. Saí para ver e percebi que uma criança tinha caído num poço. Então prendi os pés numa viga, estendi-me para dentro do buraco, deitado de costas, e iluminei-o com a luz do telemóvel", contou o experiente defesa dos biancoazzurri.

O atleta prosseguiu, ilustrando a situação perigosa que se tinha gerado: "Percebi que a menina estava só com a cabeça fora da água. Ela é muito inteligente, manteve a calma. Estendi-lhe o braço, ela agarrou-o, depois subiu para os meus ombros e consegui retirá-la do buraco."

A criança, filha de filha do ex-tenista transalpino Vicente Santopadre e de Karolina Boniek (filha da antiga estrela da Roma e da Juventus), foi levada para o hospital mais próximo, tendo recebido alta umas horas depois.