Jimmy Jump, especialista a invadir estádios, está na falência

O adepto espanhol, conhecido por invadir eventos desportivos e que atirou uma bandeira do Barça à cara de Luís Figo, está na falência: deve 280 mil euros em multas por causa das invasões.

Jaume Marquet i Cot - verdadeiro nome de Jimmy Jump - é um conhecido streaker (nome que apelida quem invade propositadamente um recinto desportivo) que, entre as suas mais célebres "invasões", interrompeu a final do Euro 2004, entre Portugal e Grécia, no Estádio da Luz, para atirar à cara de Luís Figo uma bandeira do Barcelona - que trocara o clube catalão pelo Real Madrid quatro anos antes.

O fanático adepto do Barcelona, que no seu "currículo" conta ainda com invasões em Fórmula 1, basquetebol, râguebi, pólo aquático, ténis e até um Festival da Eurovisão, está agora falido, por causa das sucessivas multas.

"Não tenho dinheiro. Tenho dívidas na ordem dos 280 mil euros", contou o espanhol à Eurosport.

Além do incidente com Luís Figo, Jimmy Jump tentou colocar uma réplica do seu famoso gorro vermelho no troféu do Mundial 2010, em plena final entre Holanda e Espanha, na África do Sul.

O espanhol está proibido de entrar em todos os estádios de futebol em Espanha e na Alemanha até 2016. O castigo implica também as competições femininas e os campeonatos juniores e de escalões inferiores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG