Del Bosque eleito o melhor seleccionador do Mundo

Vicente Del Bosque, que levou a Espanha ao seu primeiro título mundial em 2010, foi eleito pela segunda vez consecutiva o "melhor seleccionador do mundo", pela Federação Internacional da História e Estatísticas do Futebol (IFFHS).

O treinador espanhol totalizou 298 pontos, contra 168 do alemão Joachim Löw, segundo classificado, e 125 do holandês Bert van Marwick, terceiro. No "top 17" apresentado pela IFFHS, no seu sítio oficial, não consta o ex-selecionador luso Carlos Queiroz, que levou Portugal à fase final do Mundial, caindo nos oitavos de final, perante a campeã Espanha (0-1). Paulo Bento também não entra na lista.

Joachim Löw e a Alemanha caíram nas meias finais do Mundial de 2010, precisamente face à Espanha de Del Bosque (1-0, selado por Carles Puyol), enquanto a Marwick e a Holanda foram finalistas vencidos da prova sul-africana. O médio Andrés Iniesta, jogador do FC Barcelona, foi o autor do golo que selou o triunfo da Espanha (1-0) na final, já na segunda metade do prolongamento.

O uruguaio Óscar Tavarez, que conduziu o seu país a um surpreendente quarto posto no Mundial2010 (batido pela Alemanha no jogo do "bronze"), foi o quarto mais votado e o primeiro não europeu, ao coleccionar 98 votos.

Classificação do melhor treinador do ano da IFFHS:

1. Vicente Del Bosque, Esp (Espanha) 298 votos.
2. Joachim Löw, Ale (Alemanha) 168.
3. Bert van Marwick, Hol (Holanda) 125.
4. Óscar Tabarez, Uru (Uruguai) 98.
5. Milovan Rajevac, Ser (Gana) 41.
6. Marcelo Bielsa, Arg (Chile) 22.
7. Fábio Capello, Ita (Inglaterra) 15.
8. Gerardo Martino, Arg (Paraguai) 11.
9. Carlos Dunga, Bra (Brasil) 7.
10. Zlatko Kranjcar, Cro (Montenegro) 7.

Ler mais

Exclusivos