FIFA rejeita ilibar a suspensão de Simunic

A FIFA rejeitou esta quarta-feira o recurso do futebolista croata Joe Simunic contra a suspensão de dez jogos por um grito fascista no final de um jogo pela sua seleção, fazendo com que este falhe o Mundial.

O presidente executivo da Federação Croata de Futebol, Damir Vrbanovic, lamentou a decisão da FIFA, uma vez que considera ter sido um "gesto precipitado e irrefletido, que não merece um castigo tão drástico".

Depois de a Croácia se ter qualificado para o Mundial frente à Islândia, o defesa do Dinamo Zagreb gritou, com a mão levantada, nos microfones do estádio Maksimir de Zagreb: "Pela pátria", expressão que era utilizada na altura em que a Croácia era aliada da Alemanha de Hitler.

Simunic não só vai falhar os jogos do Mundial 2014, que vai decorrer no Brasil entre 12 de junho e 13 de julho, como também a maior parte da fase de qualificação para o Campeonato da Europa de 2016.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG