Diego Forlán dá Liga Europa ao Atlético de Madrid

Avançado uruguaio marcou os dois golos da equipa espanhola, o último dos quais a quatro minutos do final do prolongamento. 48 anos depois, o Atlético volta a ganhar na Europa.

- Final da partida. O Atlético de Madrid, de Simão e Quique Flores, vence a primeira edição da Liga Europa, após um percurso em que eliminou o Sporting (oitavos de final), Valência (quartos de final), Liverpool (meias finais) e finalmente o Fulham. 48 anos depois, o Atlético volta a ganhar uma prova europeia - em 1962 ganhou a Taça das Taças.

- GOLO do Atlético de Madrid. 2-1. 116 minutos. Quando a final se aproximava já da decisão por penáltis, Diego Forlán volta a dar vantagem ao Atlético, que está assim muito perto de conquistar a Liga Europa. O uruguaio desviou de forma subtil um centro de Aguero e fez o seu segundo golo nesta final, confirmando-se como o homem do jogo

- As equipas já trocaram de campo, jogam-se os 15 minutos finais desta Liga Europa.

- 105 min. Grande oportunidade para o Atlético mesmo no final da primeira parte do prolongamento, com Aguero a falhar a emenda certeira mesmo à boca da baliza.

- Já se joga o prolongamento. Atlético e Fulham têm 30 minutos para evitar o desempate por penáltis.

- Final do tempo regulamentar. Atlético e Fulham vão ter de disputar prolongamento para decidir o primeiro vencedor da Liga Europa

- 80 minutos. Faltam apenas dez minutos para o final e mantém-se o empate, numa segunda parte mais equilibrada e na qual as melhores oportunidades até foram do Fulham, apesar do Atlético manter o domínio territorial e de posse de bola.

- 68 min. Acaba-se a participação de Simão nesta final. O extremo português do Atlético foi substituído por Jurado

- INTERVALO. 1-1. Atlético e Fulham vão empatados para o descanso, após uma primeira parte de claro sinal mais dos espanhóis, que no entanto foram traídos pela sua defensiva, completamente estática no lance do golo do empate do Fulham - os ingleses marcaram praticamente na única oportunidade que tiveram ao longo dos primeiros 45 minutos.

- 45 min. É a vez de Simão tentar a sua sorte, com um remate de longa distância, mas que saiu fraco, para fácil defesa de Schwarzer.

- 44 min. Schwarzer nega o 2-1 a Forlán. O avançado uruguaio do Atlético de Madrid tem sido o jogador mais perigoso da partida. 

- GOLO do Fulham. 37 minutos. Reacção pronta dos ingleses, que empatam por Davies, num lance que expôs as fragilidades defensivas da equipa de Quique Flores, o ponto débil deste Atlético.

- GOLO do Atlético Madrid. 32 minutos. 1-0. Forlán adianta os espanhóis, com um golo que materializa a evidente ascendência do Atlético nesta primeira parte da final da Liga Europa.

- 16 min. Schwarzer defende livre marcado pelo ex-benfiquista Reyes. O Atlético continua por cima

- 12 min. Começou melhor o Atlético nesta final e acaba de atirar uma bola ao poste, por Forlán, num lance que começou com uma perda de bola infantil a meio-campo por parte dos jogadores do Fulham.

O português Simão Sabrosa é titular na equipa do Atlético de Madrid, que esta noite defronta o Fulham na final da primeira edição da Liga Europa, competição que substitui a anterior Taça Uefa.

Na equipa espanhola, comandada pelo ex-treinador benfiquista Quique Flores, também Paulo Assunção (ex-FC Porto) e Reyes (ex-Benfica) fazem parte do onze inicial.

Atlético de Madrid e Fulham são finalistas inesperados desta competição, depois de terem eliminado, nas meias-finais, Liverpool e Hamburgo, respectivamente. Relembre-se que os 'colchoneros' eliminaram o Sporting nos oitavos-de-final.

Na Hamburgo Arena, sob arbitragem do italiano Nicola Rizzoli, as equipas jogam com:

AT. MADRID: De Gea; Ujfalusi, Perea, Álvaro Dominguez, Antonio López; Reyes, Paulo Assunção, Raúl Garcia, Simão; Aguero e Forlán

FULHAM: Schwarzer; Baird, Hughes, Hangeland, Konchesky; Duff, Etuhu, Murphy, Davies; Gera e Zamora.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG