Confrontos entre manifestantes e polícias em São Paulo

Uma manifestação organizada por movimentos sociais contra os gastos públicos com o Mundial 2014 terminou esta quinta-feira em confrontos com a polícia.

A Polícia Militar lançou bombas de gás lacrimogénio para impedir os manifestantes de acederem à principal via no acesso à Arena Corinthians, que será palco da abertura do Mundial 2014.

Um manifestante foi detido, informa a imprensa brasileira, e o protesto continou com dezenas de participantes. A manifestação, chamada "Grande Ato Não Vai Ter Copa", foi convocada pela internet e começou cerca das 10:00 horas (14:00 em Lisboa), em frente a uma estação de metropolitano.

A polícia, que acompanhou a concentração dos manifestantes, já havia colocado cartazes em redor da estação, recomendando aos motoristas para não deixarem os carros estacionados na zona.

No último protesto do grupo, no fim de maio, houve confrontos quando os manifestantes tentaram entrar na estação de metropolitano Barra Funda sem pagar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG