Bayern Leverkusen e Dortmund empatam 2-2

O Borussia Dortmund, ainda sem o segundo lugar garantido, empatou 2-2 em Leverkusen e "atrasou" o Bayer na luta pelo acesso à Liga dos Campeões.

Bayer Leverkusen e Borussia Dortmund empataram neste sábado 2-2, em jogo da 32.ª jornada da Liga alemã, na BayArena, resultado que atrasou os anfitriões na "luta" pela qualificação direta para a fase de grupos da Liga dos Campeões.

Ainda sob o comando de Sacha Lewandowski, o Leverkusen, que já anunciou a contratação do atual treinador do Red Bull Salzburgo, Roger Schmidt, para a próxima temporada, colocou-se em vantagem, aos sete minutos, graças a um golo do médio Bender.

Kirch, aos 29 minutos, empatou para o Dortmund. Gonzalo Castro voltou a adiantar o Bayer, aos 35', dois minutos antes de Reus fixar o empate final.

A duas jornadas do fim do campeonato, o Dortmund permanece no segundo lugar, com 65 pontos, mais sete do que o Schalke 04, que ocupa o terceiro posto e recebe no domingo o Borussia Moenchengladbach, enquanto o Bayer Leverkusen mantém-se na quarta posição, com 55.

O Bayern Munique, já com o título de campeão revalidado, goleou em casa o Werder Bremen, por 5-2, num jogo da em que esteve em desvantagem por duas vezes.

Dias depois de ter perdido por 1-0 frente ao Real Madrid, na primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões, a equipa orientada por Pep Guardiola ficou em desvantagem aos 10 minutos, na sequência de um golo de Gebre Selassie.

Ribéry, dez minutos depois, repôs a igualdade, mas Hunt, aos 36' colocou, de novo, a formação visitante - que segue na 14.ª posição, num grupo de quarto equipas - em vantagem.

Um "bis" de Pizarro (53' e 57') e golos de Schweinsteiger (61') e Robben (74'), selaram a goleada do Bayern, que antes do início do encontro cumpriu um minuto de silêncio em memória de Tito Vilanova, adjunto de Guardiola no Barcelona, que morreu na sexta-feira.

O Wolfsburgo empatou em casa 2-2 com o Friburgo e perdeu a hipótese de ultrapassar o Bayer Leverkusen.

O Eintracht Braunschweig, cada vez mais "lanterna vermelha" da prova, perdeu por 2-0, na visita ao terreno do Hertha Berlim, com os golos a serem apontados por Brooks (61') e Allagui (77').

O avançado Shinji Okazaki tornou-se no melhor marcador japonês numa única edição da Bundesliga, com 14 golos, ao apontar o primeiro dos dois golos com que o Mainz venceu o Nuremberga.

Okazaki fez cair o recorde de 13 golos do seu compatriota Kagawa, atual jogador do Manchester United, conseguido na época 2011/12 com a camisola do Borussia Dortmund.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG