Fredy Montero volta a Alvalade para ajudar Bas Dost no ataque

O colombiano de 30 anos está desde ontem em Lisboa para fazer exames médicos e assinar por um ano e meio. É o 17º reforço da época e o quarto garantido no mercado de inverno

O colombiano Fredy Montero está de volta ao Sporting para reforçar o ataque da equipa treinada por Jorge Jesus. O jogador de 30 anos está desde ontem em Lisboa, onde irá durante o dia de hoje cumprir os habituais exames médicos e assinar contrato, em princípio, por uma temporada e meia. O negócio deverá ser feito por um valor baixo, uma vez que o futebolista está no último ano de contrato com os chineses do Tianjin Teda.

É o regresso do internacional colombiano quase dois anos depois de no final de janeiro de 2015 ter rumado ao clube chinês por cinco milhões de euros, precisamente numa altura em que estava a ser um jogador importante para Jorge Jesus, uma vez que tinha marcado seis golos em 23 jogos. Na altura, o técnico assumiu que a saída do colombiano tinha sido uma decisão sua e do presidente Bruno de Carvalho. "Sabia que tinha muitas soluções para essa posição. Desportivamente achei que não ia prejudicar a equipa e financeiramente era bom. A cabeça dele não estava cá, todos os dias queria falar comigo", disse na altura Jesus.

No Tianjin Teda, Fredy Montero apenas esteve um ano, durante o qual marcou nove golos em 29 jogos, tendo em 2017 sido emprestado aos canadianos do Vancouver Whitecaps, da MLS, onde fez 15 golos em 39 jogos.

Jorge Jesus já tinha dito várias vezes que pretendia um avançado que pudesse complementar o holandês Bas Dost no atual plantel. "Andamos à procura de um jogador que possa acasalar com o Bas Dost, mas se encontrarmos um avançado tudo bem, se não, não tem problema", disse o técnico após o jogo dos quartos-de-final da Taça de Portugal com o Cova da Piedade.

O Sporting acabou por não conseguir garantir algumas das opções que estiveram em cima da mesa, nomeadamente o argentino Luciano Vietto, que acabou por preferir ir para o Valência por empréstimo do Atlético de Madrid, quando as negociações com os leões já estavam adiantadas, e ainda o espanhol Sandro Ramírez, que pertence aos ingleses do Everton.

Nesse sentido, a opção por Fredy Montero surge como uma oportunidade de negócio a baixo preço nesta janela de mercado e uma aposta num futebolista que já é conhecido de Jorge Jesus. Montero prepara-se desta forma para ser o 17º reforço do Sporting para esta época, sendo que é o quarto garantido neste mercado de inverno, depois dos médios Rúben Ribeiro (Rio Ave), Wendel (Fluminense) e Josip Misic (Rijeka).

Na anterior passagem de dois anos e meio por Alvalade, o atacante, quatro vezes internacional pela Colômbia, garantiu 37 golos em 94 partidas oficiais pelos leões, sendo que um desses golos (o terceiro) foi ao Benfica de Jorge Jesus no empate caseiro a uma bola na época 2013/14.

"Menino querido" do presidente

Quando em janeiro de 2016, Fredy Montero rumou à China, o presidente Bruno de Carvalho fez uma publicação na sua página do Facebook na qual revelava que a sua mulher apelidava o colombiano de "teu menino querido", além de ser "um jogador de eleição" para a sua filha mais velha. "El avioncito, um jogador que me encheu as medidas como atleta e pessoa", escreveu o presidente leonino, que ainda deixou abertas as portas para o regresso que agora se concretiza: "Vai ter uma aventura na China mas sabe que as portas deste clube estão sempre abertas para o seu regresso."

Aos 30 anos, Fredy Montero terá uma nova oportunidade em Alvalade, agora para ajudar o holandês Bas Dost no ataque leonino.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG