Procura superou "quase 13 vezes" a oferta da SAD

Os responsáveis portistas mostraram-se satisfeitos com o resultado da operação em torno do empréstimo obrigacionista, reiterando no entanto que continuará a ser necessário vender jogadores para manter o equilíbrio financeiro da SAD.

Em visita à Euronext, em Lisboa, Pinto da Costa - que se fez acompanhar por toda a estrutura da administração da SAD - afirmou que as dúvidas sobre a saúde financeira dos dragões foram contrariadas por um "sucesso em toda a linha" do empréstimo obrigacionista, já que "a procura superou a oferta em quase 13 vezes".

Fernando Gomes, novo responsável pela "pasta" financeira, também partilhou a felicidade do presidente azul e branco.

No entanto, ressalvou que o empréstimo de 20 milhões de euros, referente ao triénio 2014-17, não será suficiente para evitar a saída das principais estrelas do plantel portista.

"Não há nenhuma SAD em Portugal que sobreviva sem esse fator. Como qualquer outro, temos de vender jogadores, faz parte. Vamos fazê-lo de forma ponderada, mas nunca perdendo de vista a conquista de títulos", concluiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG