Levante rejeitou primeira abordagem por Keylor Navas

Dragões avançaram com oferta de três milhões de euros e o empréstimo de um jogador. Levante rejeitou, por acreditar que o guarda-redes ainda se vai valorizar no Mundial 2014.

O Levante rejeitou a primeira abordagem do FC Porto para a contratação do guarda-redes costa-riquenho Keylor Navas, um pedido expresso de Lopetegui para reforçar as balizas do Dragão.

Como o DN noticiou atempadamente, o guarda-redes de 27 anos, que já brilha no Mundial 2014, é um alvo prioritário para os dragões, cujo treinador não está satisfeito com a oferta de guarda-redes do plantel - Helton (lesionado e indisponível até, pelo menos, outubro), Fabiano, Kadú, Ricardo (contratado neste defeso à Académica) e Bolat (regressa após empréstimo).

O FC Porto avançou com uma primeira proposta na ordem dos três milhões de euros, além do empréstimo de um jogador, mas o Levante descartou a oferta, por acreditar que Navas ainda se vai valorizar no Brasil.

O guarda-redes tem apenas mais um ano de contrato com o Levante e uma cláusula de rescisão de 10 milhões de euros. Em 2013/14 foi considerado o melhor guarda-redes da Liga espanhola, à frente de Valdés (Barcelona), Courtois (Atlético), Roberto (Granada) e Willy Caballero (Málaga), por esta ordem.

Entretanto, o empréstimo do médio Óliver Torres, de 19 anos, do Atlético de Madrid, será confirmado nas próximas horas. A jovem promessa espanhola foi um pedido de Lopetegui e chegará ao Dragão por empréstimo, sem direito a opção de compra. Óliver Torres foi identificado pelo treinador como uma mais-valia para a posição "8".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG