Sérgio Conceição: "Estamos desiludidos, mas temos de honrar este símbolo"

O treinador do FC Porto assumiu a responsabilidade pela goleada diante do Liverpool e quer uma resposta já no próximo jogo com o Rio Ave

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, era um homem com um semblante muito carregado no final da partida e na flash interview não escondeu "a tristeza e a desilusão" pela goleada sofrida (0-5) diante do Liverpool.

"Agora temos de honrar este símbolo, temos de assumir a responsabilidade do resultado, no qual eu sou o culpado, e queremos dar uma boa resposta já no próximo jogo com o Rio Ave", atirou, lamentando que "nos momentos chave, dainte de uma equipa poderosa" a sua equipa "deitou tudo a perder".

"Entrámos de forma equilibrada no jogo e até ao primeiro golo do Liverpool não tínhamos concedido ocasiões perigosas junto da nossa baliza. Tínhamos o jogo controlado, mas depois oferecemos o primeiro golo ao adversário. A vencer fora, o Liverpool aproveitou aquilo que é o seu ponto forte, pois eles atacam rapidamente a baliza com jogadores muito velozes. E o segundo golo deitou a equipa um bocado a baixo", assumiu, revelando que ao intevalo tirou Otávio "porque esteve muito tempo parado" e pasosu a utilizar "dois avançados para chegar mais à frente, mas em mais uma perda de bola o adversário fez o 3-0 e o jogo acabou".

Sobre as consequências desta derrota, Sérgio Conceição lembrou que esta época a sua equipa "deu uma resposta positiva". "Nesta temporada já mostrámos caráter e personalidade. Ficámos triste e desiludidos com este tipo de resultados, mas temos de olhar para a frente e utilizar este jogo para o nosso grande objetivo, que é o campeonato mas também sem esquecer a Taça de Portugal", sublinhou.

Nesse sentido, diz que esta goleada serve para "tirar ilações", mas deixou uma certeza: "Não belisca o que temos feito até agora em todas as competições e não afeta aquilo que são os objetivos desta época."

Ler mais

Exclusivos