Oficial: Imbula ruma ao Stoke City e dá lucro de quatro milhões

O Stoke City oficializou esta segunda-feira a contratação de Giannelli Imbula ao FC Porto, por 24 milhões de euros. Os portistas conseguem assim vender o jogador mais caro da história da liga portuguesa com lucro.

Contratado no verão ao Marselha, por 20 milhões de euros (o fundo Doyen Sports intermediou a contratação do médio), Imbula nunca se mostrou como titular indiscutível no FC Porto. Aos 23 anos, o médio francês já tinha apalavrada uma saída no final da época, mas as fracas exibições ao serviço do FC Porto anteciparam a transferência.

O FC Porto consegue recuperar o valor inicialmente investido em Imbula, pois a transferência para o Stoke fez-se por 18,3 milhões de libras (24,05 milhões de euros, ao câmbio atual).

Até ao final da noite o FC Porto ainda não tinha anunciado a contratação de qualquer médio-ofensivo para substituir Imbula.

[notícia atualizada às 22.45]

Siga todas as movimentações do fecho do mercado de transferências:

Ler mais

Exclusivos

Premium

Patrícia Viegas

Espanha e os fantasmas da Guerra Civil

Em 2011, fazendo a cobertura das legislativas que deram ao PP de Mariano Rajoy uma maioria absoluta histórica, notei que quando perguntava a algumas pessoas do PP o que achavam do PSOE, e vice-versa, elas respondiam, referindo-se aos outros, não como socialistas ou populares, não como de esquerda ou de direita, mas como los rojos e los franquistas. E o ressentimento com que o diziam mostrava que havia algo mais em causa do que as questões quentes da atualidade (a crise económica e financeira estava no seu auge e a explosão da bolha imobiliária teve um impacto considerável). Uma questão de gerações mais velhas, com os fantasmas da Guerra Civil espanhola ainda presente, pensei.