Dragões vencem Mónaco e avança na Youth League

O FC Porto garantiu esta quarta-feira a presença nos oitavos de final da Youth League ao vencer o Mónaco, por 2-1, no Olival, em Vila Nova de Gaia, o que lhe valeu o primeiro lugar do Grupo G

A formação monegasca, adversária direta dos 'dragões' na luta pelo primeiro lugar no grupo, chegou à vantagem por Nabil Alioui, aos 25 minutos, mas o FC Porto deu a volta por Rui Pires, aos 42, e Madi Queta, aos 66.

Os portistas Madi Queta e Diogo Bessa, aos 11 e 14 minutos, e o visitante Abanda Nfomo, aos 13, foram os primeiros a procurar o golo, que acabou por surgir por Nabil Alioui, aos 25, e que deixava o Mónaco na liderança do grupo.

O FC Porto reagiu bem à desvantagem e depois de várias situações de perigo para cada uma das equipas, por Diogo Dalot, aos 30, Florian Antogneli, aos 31, e Irala Vera, aos 38, chegou ao empate por Rui Pires, aos 42.

No minuto seguinte, o paraguaio Irala Vera desperdiçou uma oportunidade flagrante para colocar o FC Porto em vantagem e, no início da segunda parte, ambas as equipas voltaram a repartir as oportunidades para marcar e desfazer o empate.

Diogo Dalot, aos 47 e 60, Thuram, aos 53, Afonso Sousa, aos 54, e Moreto Cassamá, aos 61, foram os jogadores que protagonizaram as principais ocasiões de perigo, obrigando os guarda-redes Emmanuel Mifsud e Diogo Costa a mostrarem serviço.

O golo do triunfo do FC Porto surgiu por Madi Queta, aos 66, no aproveitamento de um erro do defesa monegasco Amílcar Silva, que se deixou antecipar em zona proibida.

O Mónaco ainda procurou inverter a tendência do resultado, surgindo como mais frequência junta à área dos 'dragões', mas foi o FC Porto, já no quarto minuto dos descontos, que desperdiçou por Diogo Queiroz uma ocasião flagrante para aumentar.

O FC Porto terminou a fase de grupos da Youth League no primeiro lugar do G, com 15 pontos nos seis jogos realizados, seguido do Mónaco, com 10, dos alemães do Leipzig, com cinco, e dos turcos do Besiktas, com quatro.

Jogo no Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia.

FC Porto -- Mónaco, 2-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

0-1, Nabil Alioui, 25 minutos.

1-1, Rui Pires, 42.

2-1, Madi Queta, 66.

Equipas:

- FC Porto: Diogo Costa, Diogo Dalot, Diogo Queirós, Diogo Leite, Diogo Bessa, Rui Pires, Romário Barot (Paulo Estrela, 70), Afonso Sousa (Mamadu Lamba, 91), Moreto Cassamá, Irala Vera e Madi Queta (Mateus Santos, 70).

(Suplentes: Ricardo Silva, Pedro Justiniano, Mamadu Lamba, Daniel Vieira, Paulo Estrela, Mateus Santos e João Maleck Robles).

Treinador: João Brandão.

- Mónaco: Emmanuel Mifsud, N"Gakoutou Yapende, Badiashile Mukinayi (Mehdi Zerkane, 46), Abdoulaye Kote, Amílcar Silva, Ibrahima Diallo, Florian Antognelli, Abanda Mfomo (Maxence Toutain, 84), Ulien Thuram (Mehdi Massengo, 65), Moussa Sylla e Nabil Alioui.

(Suplentes: Hugo Hagege, Giulian Biancone, Gobe Gouano, Jason Mbock, Maxence Toutain e Mehdi Massengo).

Treinador: Frédéric Barilaro.

Árbitro: José Maria Sanchez Martinez (Espanha).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Romário Baró (28), Mehdi Zerkane (59), Amílcar Silva (67), Moreto Cassamá (73) e Ibrahima Diallo (85).

Assistência: 306 espectadores.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Desporto
Pub
Pub