Cinco internacionais às ordens de Paulo Fonseca

O regresso dos futebolistas internacionais Josué e Varela (Portugal), Jackson Martínez (Colômbia), Otamendi (Argentina) e Defour (Bélgica) foi a nota de destaque da sessão de treino desta quinta-feira do FC Porto, no Olival.

Além do reforço dos cinco internacionais que se encontravam ao serviço das respetivas seleções, o treinador Paulo Fonseca recorreu ainda ao defesa Quiño e ao médio Tozé, do plantel da equipa B.

De acordo com a nota publicada no sítio dos "dragões", "Ghilas continua em tratamento a uma lesão muscular contraída ao serviço da seleção da Argélia e Izmailov também esteve ausente, devidamente autorizado a tratar de assuntos de "natureza familiar".

Jorge Fucile, que esteve ao serviço da seleção uruguaia - última a garantir a presença no Mundial do Brasil do próximo ano -, ainda não marcou presença no Olival.

O tricampeão nacional e líder da Liga volta a treinar pelas 10 horas de sexta-feira, numa sessão para decorrer à porta fechada, última antes da receção de sábado ao Nacional, em jogo da 10.ª jornada da Liga portuguesa de futebol.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Geopolítica

5 anos. A Crimeia é russa mesmo que Ocidente não goste

Em março de 2014, no auge da rebelião na Ucrânia que derrubou o regime pró-russo de Viktor Ianukovitch, forças russas ocupavam a Crimeia e Moscovo decretava a 18 a anexação da península e a sua plena integração na Federação Russa. Era o início de uma crise que, cinco anos depois, continua a envenenar as relações entre a Rússia e o Ocidente.