"Acreditamos que o Sérgio Conceição vai continuar connosco"

Diretor-geral para o futebol abre porta à renovação com o técnico, que tem mais um ano de contrato

Sérgio Conceição é a figura central do regresso do FC Porto aos títulos e isso é reconhecido pela própria administração. Em entrevista ao jornal O Jogo, o diretor-geral portista Luís Gonçalves admite que "é fundamental manter Sérgio Conceição".

O técnico assinou contrato por dois anos, até 2019, mas também é pretendido por alguns clubes no exterior, entre eles o Inter de Milão. Luís Gonçalves diz acreditar que o técnico vai continuar e manifesta mesmo o desejo em vê-lo prolongar a ligação ao FC Porto por muito anos. "Tem contrato de dois anos e, portanto, acreditamos que vai continuar connosco. Gostaríamos que ele continuasse por mais anos", referiu o dirigente.

Luís Gonçalves destacou o facto de Sérgio Conceição ter trazido ao FC Porto "uma dinâmica completamente diferente". "O FC Porto sempre foi uma família, mas hoje é muito mais do que isso. E isso é muito por mérito do Sérgio e do presidente, que o soube escolher".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).