Fraude fiscal. Falcao assume culpas e iliba Jorge Mendes

Avançado quis resolver o assunto junto da administração fiscal espanhola para dar tranquilidade à sua mulher, que vai dar à luz em breve

Radamel Falcao, segundo o El Mundo, chegou a um princípio de acordo com a justiça espanhola no qual se assumiu culpado de fraude fiscal tendo pedido em troca para que fossem ilibados todos os seus assessores, em especial Jorge Mendes, que se encontrava, também ele, acusado pelo ministério público do país vizinho.

O agora futebolista do Mónaco terá que pagar uma multa no valor de 6,9 milhões de euros. Como tinha avançado com 8,225 milhões de euros a administração fiscal terá que lhe devolver 1,3 milhões de euros.

O El Mundo adianta que os advogados de Falcao apresentaram na última terça-feira uma proposta de resolução pois a sua esposa estava prestes a testemunhar e como vai dar à luz em breve o colombiano resolveu o assunto com rapidez.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG