Conselho de Disciplina anula castigo a Inácio

O CD da Federação Portuguesa de Futebol anulou o castigo de dois jogos aplicados ao defesa central do Sporting de Braga B decisão incomum que o clube minhoto elogia

Inácio foi expulso a 29 de abril, na 39ª jornada da II Liga, diante do Vitória de Guimarães B, jogo que terminou com o triunfo dos vimaranenses (2-1) e no qual o árbitro Luís Godinho mostrou o cartão vermelho ao central aos 28 minutos.

Com base nas imagens vídeo, o clube bracarense recorreu da decisão e, esta sexta-feira, o CD da FPF informou que revogou a medida disciplinar aplicada inicialmente ao jogador (que já cumpriu um dos jogos de castigo), baseada no relatório do juiz da partida, dando razão ao recurso dos bracarenses.

A SAD arsenalista diz registar "esta decisão ímpar" do CD "e saúda a celeridade da mesma, notando também que a comissão de instrutores tenha deliberado não se pronunciar contra o recurso".

O Sporting de Braga elogia a atuação "muito positiva" do órgão disciplinar da FPF "na diligência com que atuou sobre um erro grosseiro cometido em prejuízo do Sporting de Braga por uma equipa de arbitragem".

"A decisão do conselho de disciplina repõe a credibilidade no futebol e nas instituições, mas não pode corrigir totalmente os danos de uma decisão absurda que, no referido jogo, privou o Sporting de Braga B de um jogador durante mais de uma hora (dessa forma interferindo decisivamente na marcação de uma grande penalidade e no resultado final) e que, com base no relatório do árbitro, lhe custou também a utilização na jornada seguinte", pode ler-se no comunicado.

.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG