Benzema, Courtois e De Bruyne na corrida a melhor futebolista UEFA

O vencedor vai ser anunciado, assim como o treinador do ano UEFA, na cerimónia que também vai acolher o sorteio para a fase de grupos da Champions, em 25 de agosto, em Istambul.

Os futebolistas internacionais Benzema, Courtois e De Bruyne são os três finalistas que concorrem à distinção de melhor jogador UEFA 2021/22, anunciou esta sexta-feira o organismo que superintende o desporto-rei na Europa.

O avançado francês do Real Madrid Karim Benzema, de 34 anos, foi o melhor marcador da Liga dos Campeões (15 golos), numa prova ganha pela 14.ª vez pelos merengues, também campeões nacionais em Espanha.

Outro madridista, o guarda-redes belga Thibaut Courtois, de 30 anos, foi eleito o melhor jogador da final da Champions, em Paris, graças à sua exibição, negando vários golos ao inglês Liverpool.

O médio do Manchester City Kevin De Bruyne, bicampeão inglês, já foi escolhido como o melhor jogador da Premiership.

O médio português Bernardo Silva, colega de de Bruyne nos citizens, foi o único luso a figurar na lista de 15 pré-designados para o prémio, na 11.ª posição.

Pela primeira vez, Cristiano Ronaldo, único jogador a conquistar esta honra por três vezes (2014, 2016 e 2017), ficou de fora da lista elaborada pela UEFA.

Um júri, composto por representantes dos clubes que participaram na fase de grupos das competições europeias e um grupo de jornalistas, votou nos seus três favoritos do rol de 15 opções, sem os clubes poderem votar em atletas do seu plantel.

O vencedor vai ser anunciado, assim como o treinador do ano UEFA, na cerimónia que também vai acolher o sorteio para a fase de grupos da Champions, em 25 de agosto, em Istambul.

Os três técnicos finalistas são o italiano Carlo Ancelotti (Real Madrid), pela quarta vez campeão europeu, o espanhol Pep Guardiola (Manchester City), que conquistou a sua quarta Premiership, e o alemão Jurgen Klopp (Liverpool), "vice" tanto na Liga dos Campeões como na Liga inglesa.

O português José Mourinho, vencedor da primeira edição da Liga Conferência Europa com a AS Roma, figurou na sexta posição entre os treinadores escolhidos para a votação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG