Treinador do Tottenham diz que Jesus não tem classe

Técnicos pegaram-se durante o jogo e no final da partida. Treinador do Tottenham não gostou do gesto de Jesus com os três dedos.

Jorge Jesus e Tim Sherwood trocaram galhardetes durante e após o jogo. Mas o que desagradou mesmo o treinador do Tottenham foi o gesto de Jesus após Luisão marcar o terceiro golo, mostrando os três dedos na direção de Sherwood.

"Achei que a equipa deles foi muito boa e mostrou muita classe, é pena que ele não mostrasse o mesmo [Jorge Jesus]. Logo nos primeiros dois minutos foi queixar-se ao quarto árbitro a dizer que eu estava a entrar no espaço dele. A dizer adeus com três dedos? Falta-lhe classe! Porque é que alguém faria isso? Ele tem uma boa equipa, mas essas coisas não me interessam. Gostava de lhe fazer adeus [e gesticula com cinco dedos] no final [reportando-se à segunda mão]", referiu Sherwood.

Jorge Jesus, entretanto, tentou explicar no final que não quis provocar o seu homólogo ao mostrar os três dedos. "O gesto dos três que fiz depois do golo foi a indicar a camisola do Luisão [o central é o número 4]".

"Nós em Portugal não estamos habituados a estar tão juntos, treinador com treinador, há mais espaço e cada um manifesta-se como quer. Quando invadi o campo, neste caso o espaço de Tim Sherwood, ele falou comigo e disse que não era o meu espaço e que tinha de sair dali. Quando ele invadiu o meu, eu também disse que ali não era o espaço dele. Tivemos ali esta situação. Foi agradável, foi bonito, mas não mais do que isso", acrescentou Jesus.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG