"Penálti contra o Benfica? Atiro para fora"

Aniversariante Eusébio fala do jogo onde não fez um único remate por não querer marcar um golo ao clube do coração.

O ex-internacional português Eusébio, um dos maiores símbolos do futebol nacional, completa esta segunda-feira 70 anos. Eterno adepto do Benfica, o "Pantera Negra" revelou, numa entrevista a ser transmitida esta quarta-feira pela RTP, que na sua carreira chegou a fazer "birra" para não marcar um golo contra o clube do coração.

Eusébio interrompeu um período de 14 anos de ligação ao Benfica, dois meses depois da "Revolução dos Cravos", para passagens curtas pelos Estados Unidos da América, México e Canadá. Um ano depois de ter abandonado Lisboa, Eusébio regressou a Portugal, em 1976, para jogar no Beira-Mar. Mas avisou o seu treinador que jamais marcaria um golo ao Benfica.

"Não me peçam para marcar um penálti, nem um livre. Se for para marcar um penálti eu mando um pontapé para fora", revelou o ex-futebolista, que acabou por não ter feito um único remate quando defrontou o Benfica, que viria a sagrar-se campeão na mesma temporada.

Eusébio contou ainda que, a 15 minutos do início da partida, foi ao balneário do Benfica "tranquilizar" os ex-companheiros. "Malta, eu vou jogar mas estejam tranquilos porque não vai haver golos", disse o então avançado do Beira-Mar.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG