Jorge Jesus pode bater recorde de Hagan e Eriksson

Quase 40 anos após o feito de Hagan e 30 do de Eriksson, Jesus voltou a conduzir o Benfica a 15 vitórias seguidas, entre Liga portuguesa (sete), Taça de Portugal (quatro), Taça da Liga (três) e Liga Europa (um).

O Benfica igualou esta segunda-feira o seu recorde histórico de vitórias consecutivas em jogos oficiais numa temporada e pode batê-lo quinta-feira, se conseguir a 16.ª face ao Estugarda, na Alemanha, onde nunca ganhou em 18 deslocações.

Depois do desaire com o Schalke 04 (1-2 em casa, a 07 de dezembro), o "onze" de Jorge Jesus já somou 15 triunfos de "rajada", igualando os seus máximos de sempre, nas longínquas épocas de 1972/73 e de 1981/82, respectivamente.

Em 1972/73, quando conquistou o título sem derrotas (28 vitórias e dois empates), o Benfica, comandado pelo britânico Jimmy Hagan, logrou 15 vitórias seguidas entre 12 de Novembro de 1972 e 18 de Março de 1973.

Quase uma década depois, em 1982/83, chegou à Luz um jovem treinador, chamado Sven-Göran Eriksson, e o seu impacto foi imediato: 15 vitórias nos primeiros 15 jogos oficiais, no que acabou por ser a melhor série do técnico sueco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG