Águia passa em Braga. Eficácia resolveu o jogo cedo

Pizzi e Lisandro fizeram os golos da vitória do Benfica, esta segunda-feira, na visita ao Sp. Braga (0-2). Com este resultado, as águias ultrapassam os arsenalistas e sobem ao 3.º lugar da I Liga.

Afinal, Braga, terreno tradicionalmente difícil, não foi um problema para o Benfica. A equipa de Rui Vitória simplificou as coisas ao marcar cedo e deu uma lição de eficácia ao Sp. Braga.

Pizzi marcou ao minuto 3, a meias com Kritciuk (Baiano desviou o remate do médio encarnado para as costas do guarda-redes... e ela seguiu para a baliza). E, aos 11', Lisandro atirou para o 2-0, ao aproveitar uma sobra, no seguimento de um canto.

O Sp. Braga tentou reagir: teve mais posse de bola, atacou e rematou mais. Mas nunca foi eficaz e permitiu que o Benfica fosse gerindo o desenrolar da partida. Os minhotos mandaram três bolas ao ferro, por Hassan (de cabeça, aos 15'), Boly (também de cabeça, aos 30') e Filipe Augusto (de livre direto, aos 67').

Porém, isso não chegou (e, pelo meio, Gaitán, de livre, também atirou à barra da baliza de Kritciuk). O Benfica, em vantagem, controlou o jogo e, apesar dos esforços arsenalistas, nunca teve a vitória em risco.

Com o triunfo, a equipa lisboeta sobe ao 3.º lugar da I Liga, ultrapassando a bracarense. O Benfica tem agora 21 pontos e o Sp. Braga 20. O Sporting lidera o campeonato com 29, mas os benfiquistas têm menos um jogo.

Recorde os onzes iniciais:

SP. BRAGA: Kritciuk; Baiano, Boly, Ricardo Ferreira e Djavan; Alan, Luiz Carlos, Mauro e Rafa; Stojiljkovic e Hassan.

Treinador: Paulo Fonseca

BENFICA: Júlio César, André Almeida, Lisandro, Jardel e Eliseu; Fejsa, Renato Sanches e Pizzi; Gonçalo Guedes, Mitroglou e Gaitán.

Treinador: Rui Vitória

E o filme do jogo: