Benfica pondera recorrer da absolvição a Slimani

O diretor de comunicação João Gabriel usou a ironia para falar da "bondade" da decisão do Conselho de Disciplina

O Benfica, através do seu diretor de comunicação, revelou esta sexta-feira ter registado "a bondade da decisão do Conselho de Disciplina" em relação à absolvição do futebolista argelino Slimani do Sporting.

"Registamos a bondade da decisão do Conselho de Disciplina (Secção não Profissional), que, em devido tempo e com rara celeridade, interpretou com inusitada sapiência o altruísmo e a benignidade da ação do jogador Slimani", disse à agência Lusa o diretor de comunicação encarnado João Gabriel.

O responsável pelo departamento de comunicação do Benfica acrescentou ainda: "Mais, temos de enaltecer o facto de o mesmo Conselho de Disciplina ter tolerado a agressividade do nosso jogador Samaris e de o ter poupado a qualquer castigo".

"Finalmente, esta decisão vai poupar alguns agentes envolvidos a intermináveis lamentos, comunicados, declarações chorosas de quem evidentemente não merecia ser castigado", acrescentou João Gabriel.

Quanto à possibilidade de vir a recorrer da decisão, afirmou: "Por dever de ofício, ponderamos recorrer. Não queremos, porém, ferir suscetibilidades."

O avançado argelino Islam Slimani, do Sporting, foi absolvido pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) da alegada agressão ao grego Samaris, do Benfica, em caso que remonta a 21 de novembro do ano passado, no jogo da Taça de Portugal, ganho pelo Sporting por 2-1.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG