Benfica embala para o título na Cidade Berço

Benfica aproveita deslize do FC Porto e já não precisa do clássico no Dragão para se sagrar campeão. Cardozo, Garay, Salvio e Rodrigo fizeram os golos da maior goleada em Guimarães desde os tempos de... Mourinho.

Jackson Martínez perdoou, Óscar Cardozo não. Assim se começou a escrever, a partir da marca dos onze metros, a vantagem de quatro pontos que o Benfica ganhou sobre o FC Porto, a sete jornadas do final da Liga. Os encarnados repetiram o resultado dos dragões em Guimarães e golearam por 0-4, fruto de uma última meia hora avassaladora, já com o Vitória reduzido a dez unidades e sem argumentos para travar a avalanche ofensiva do Benfica, que já leva 60 golos na Liga.

O Benfica, aliás, não ganhava em Guimarães com quatro golos sem resposta desde 2000, quando era treinado por... José Mourinho. Depois do empate do FC Porto na Madeira, os pupilos de Jorge Jesus poderiam encarar o jogo com motivação ou pressão acrescida. Escolheram o primeiro caminho e isso traduziu-se num triunfo categórico, mas que não ilustra a luta que o Vitória deu na primeira parte.

Os vimaranenses, contudo, arriscaram em demasia ao jogar de igual para igual ante as águias e, com a defesa em linha muito subida, deram inúmeros "convites" ao Benfica para explorarem o espaço nas costas da defesa. Num desses lances, Lima aproveitou para se isolar, passar pelo estreante Assis e conquistar uma grande penalidade, à qual El Adoua foi poupado à expulsão. Chamado à conversão, Cardozo manteve uma eficácia de 100% em penáltis na Liga nesta época: oito golos em oito tentativas (o Benfica lidera a lista com dez penáltis conquistados).

A vantagem "soltou" o Benfica, que ao ritmo de Nico Gaitán partiu para a goleada na segunda parte, com o minuto 60 a ser "fatal" para o Vitória: Kanú recebeu ordem de expulsão, depois de um choque inevitável com Melgarejo, após ter cortado a bola pela linha de fundo. No minuto seguinte, Garay, à ponta-de-lança, fez um sublime "chapéu" a Assis e a acabou com o jogo. A partida, aliás, correu mesmo riscos de ser, literalmente, interrompida, pois os adeptos vimaranenses lançaram pelo menos seis petardos para o recinto de jogo.

O Benfica continuou a explorar o espaço nas costas da defesa e Salvio, aproveitando uns centímetros (ou mesmo milímetros) em posição irregular, fez o terceiro golo aos 81 minutos, já depois de ter atirado ao poste. A goleada do Benfica foi carimbada no último lance da partida, com o recém-entrado Rodrigo a fuzilar a baliza vimaranense. O Benfica está a seis vitórias do título que, se mantiver os quatro pontos de vantagem até à 29.ª jornada, poderá festejar no Estádio do Dragão.

Filme do jogo:

90+5' Final do jogo!

90+5' GOLO DO BENFICA! RODRIGO FAZ O 0-4! O Benfica repete o resultado do FC Porto em Guimarães, com Rodrigo a fuzilar a baliza, depois de uma defesa incompleta de Assis.

90+3' Enzo Pérez tentou assistir Rodrigo, mas Paulo Oliveira conseguiu ceder canto.

90+1' Salvio quase marcava! O argentino conseguiu ficar isolado do lado direito, mas Assis cobriu bem o ângulo de remate.

90' Cinco minutos de compensação...

88' Substituição no Benfica. Saiu Lima e entrou Rodrigo.

86' Substituição no Benfica. Saiu Óscar Cardozo e entrou Pablo Aimar.

82' GOLO DO BENFICA! SALVIO FAZ O 0-3! Em posição de fora de jogo, mas só decifrável pelas imagens televisivas e com "régua e esquadro", o atacante argentino isolou-se, passou por Assis e atirou para o fundo das redes, perante o esforço de El Adoua em tentar evitar o golo. Entretanto, rebenta o sexto petardo.

79' Substituição no Benfica. Saiu Nico Gaitán e entrou Ola John.

78' Incrível defesa de Artur Moraes! Amido Baldé escapou aos centrais e cabeceou de forma fulminante, mas Artur Moraes defendeu; o avançado ainda foi à recarga, mas depois o guarda-redes, sentado, agarrou a bola em cima da linha de baliza.

77' Salvio atira ao poste! O extremo argentino tentou o remate fora da grande área e viu a bola bater no ferro antes de sair pela linha de fundo.

76' Amido Baldé tentou o primeiro remate do Vitória na segunda parte, mas foi intercetado.

73' Substituição no Vitória. Saiu André André e entrou Marco Matias.

71' Salvio recolhe a bola na grande área e tentar encontrar espaço para o remate, mas Paulo Oliveira evitou o remate.

69' Gaitán desperdiça! Na sequência de um lance de insistência do ataque do Benfica, Gaitán tinha a baliza "aberta", mas atirou ao lado do alvo.

65' Cartão amarelo para Óscar Cardozo, por provocar os adeptos do Vitória.

64' Rebenta um petardo junto à baliza de Artur Moraes. Seguir-se-á mais uma multa para o Vitória, devido ao mau comportamento dos adeptos, mas estes problemas ainda não têm fim à vista. Já rebentaram cinco petardos na partida.

62' GOLO DO BENFICA! GARAY FAZ O 0-2! Excelente finalização do central argentino, que fez um "chapéu" sublime a Assis e sentenciou a partida.

61' Kanú é expulso! O jovem lateral direito vê o segundo cartão amarelo, mas só há contacto (inevitável) com Melgarejo depois de Kanú ter cortado a bola para fora.

59' Fica a pedir-se penálti na grande área do Benfica, na sequência de um lance entre Jardel e Soudani.

57' Boa intervenção de Assis, em resposta a um remate forte de Lima.

54' Cartão amarelo para Leonel Olímpio, por entrada sobre Lima.

52' Cabeceamento de Garay, na sequência de um canto de Gaitán, desenquadrado com o alvo.

49' Benfica mais pressionante na segunda parte e a conseguir conquistar a bola ainda dentro do meio-campo do Vitória.

46' Início da segunda parte! Bola para o Benfica.

45+2' Intervalo no D. Afonso Henriques.

45+2' Cartão amarelo para Kanú, por derrubar Cardozo.

44' Paulo Oliveira evita o golo do Benfica, após cruzamento de Lima, novamente a aproveitar o espaço entre linhas.

40' Cruzamento perigoso de Gaitán, mas Assis antecipou-se a Cardozo.

38' GOLO DO BENFICA! ÓSCAR CARDOZO FAZ O 0-1! Guarda-redes para um lado, remate forte para o outro.

36' Penálti para o Benfica! Lá está, o Benfica a aproveitar o espaço nas "costas" a defesa do Vitória, com Lima a isolar-se e a entrar na grande área. O brasileiro contornou o guarda-redes e, depois, acabou derrubado por El Adoua, que vê o cartão amarelo.

32' O Benfica está a explorar bem o espaço entre linhas, sobretudo a partir do flanco esquerdo. O Vitória mantém o risco de jogar com a defesa subida.

30' Gaitán, na sequência de um cruzamento de Enzo Pérez, tentou desviar de cabeça na marca de penálti, mas acertou mal na bola.

29' Cabeceamento perigosíssimo de Cardozo, que ressaltou no relvado (em mau estado junto à baliza, algo que poderá "trair" Assis) e passou a rasar o poste.

28' Corte providencial de Jardel, que travou um lance de ataque de cinco jogadores do Vitória para apenas três do Benfica.

25' Remate forte de Ricardo, mas à figura de Artur Moraes.

23' A equipa vimaranense continua a arriscar com a defesa subida e em linha. Um "convite" às transições rápidas do Benfica e passes longos, em profundidade.

21' O Vitória reequilibra o jogo e já conta com 49% de posse de bola e com o dobro dos remates do Benfica (4-2).

17' Que perdida de Jardel! O central do Benfica cabeceou sem oposição depois de um bom cruzamento de Salvio, mas atirou ligeiramente ao lado do alvo.

16' Baldé roda bem sobre a bola e tenta o remate de fora da grande área, mas Artur Moraes segurou.

13' Benfica já com 65% de posse de bola e a tentar explorar o muito espaço que a defesa do Vitória está a deixar nas "costas" da sua defesa.

10' O Vitória tenta jogar de igual para igual, com dois extremos (Soudani e Ricardo) bem abertos nas alas e à procura de explorar toda a largura do terreno.

7' Boa defesa de Artur Moraes, após pontapé livre de Tiago Rodrigues.

6' Vitória a jogar com a defesa em linha, muito subida no terreno, um "perigo" face à velocidade de Salvio e Lima. Ajuda na pressão sobre o adversário, mas favorece as transições rápidas do Benfica.

3' Leonel Olímpio tentou o remate, mas atirou fraco e torto.

1' Lima quase marcava! A defesa vimaranense "deixou" Lima correr isolado para a baliza, mas o avançado brasileiro, à saída de Assis, rematou contra a cabeça do guarda-redes.

1' Paulo Baptista apita para o início do jogo! Bola para o Vitória.

VITÓRIA DE GUIMARÃES: Assis; Kanu, Paulo Oliveira, El Adoua, Luís Rocha; Tiago Rodrigues, Leonel Olímpio, André André; Ricardo, Soudani e Amido Baldé. Suplentes: Miguel Oliveira, Alex, N'Diaye, Barrientos, Crivellaro, Marco Matias e Jona.

BENFICA: Artur Moraes; Maxi Pereira, Jardel, Garay, Melgarejo; Matic, Enzo Pérez, Salvio, Nico Gaitán; Lima e Óscar Cardozo. Suplentes: Paulo Lopes, Roderick Miranda, Carlos Martins, Ola John, Pablo Aimar, Urreta e Rodrigo.

Quando o Benfica entrar em campo em Guimarães, para defrontar o Vitória (20.30), já o jogo entre Marítimo e FC Porto terá terminado, por isso os encarnados saberão se a missão passará por recuperar ou reforçar a liderança. O denominador, contudo, será sempre o mesmo: somar os três pontos num estádio onde o Benfica sofreu a primeira derrota na última época e onde começou a perder a vantagem de cinco pontos sobre o FC Porto.

Jorge Jesus não acredita que a história se vá repetir e avisou que é tempo de colocar "a carne toda no assador", à procura do 'triplete' e de uma época de sonho para os encarnados: Liga, Taça de Portugal e Liga Europa. As pernas começam a ficar "pesadas", mas Jorge Jesus chamou 21 atletas para esta noite, com destaque para o regresso de Luisão, Garay e Urreta aos escolhidos, prescindindo apenas de André Gomes e Alan Kardec.

O Vitória, que na época passada venceu por 1-0, tem o quinto lugar da Liga preso por um fio e Rui Vitória considerou que os vimaranenses vão defrontar um adversário que é como "um Ferrari afinadinho". Nada que retire a ambição ao jovem conjunto da cidade berço, que contará com a forte presença da massa associativa (o D. Afonso Henrique é um dos poucos estádios onde o Benfica não joga "em casa") para tentar contrariar o favoritismo encarnado. Resta saber se a ausência do guarda-redes Douglas, expulso na última jornada, não se fará sentir.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG