Benfica B vence em Matosinhos a jogar com 10

Buta foi expulso aos 39 minutos, mas águias conseguiram chegar à vitória contra o Leixões

O Benfica B isolou-se no terceiro lugar da II Liga portuguesa de futebol após vencer o Leixões em Matosinhos por 2-1, em partida da 29.ª jornada, jogando desde os 39 minutos reduzido a dez homens.

Heri, em contra-ataque, abriu o marcador para o Benfica B aos 48 minutos, e Diogo Gonçalves ampliou a diferença, aos 60, respondendo o Leixões por Miguel Ângelo, aos 72, com um golo que não evitou a terceira derrota caseira dos nortenhos.

A primeira parte foi marcada pelo domínio dos locais, que dispuseram de oportunidades suficientes para construir um resultado volumoso ante um Benfica B que não soube ter bola, que jogou quase sempre longe de baliza e que viu Buta ser expulso.

O ascendente da equipa da casa quase deu frutos aos 28 minutos, mas o árbitro anulou um golo a Porcellis (28), na sequência de um canto batido por Bruno Lamas, por fora de jogo de Bruno China, que se fez ao lance junto ao poste.

Dominando no seu meio-campo defensivo, o Leixões foi crescendo no jogo e explorando a inexperiência do 'onze' dos visitantes, com o árbitro a entrar na senda de erros quando expulsou Buta (39), num lance em que foi Rodrigo Escoval - que já tinha um amarelo - quem atingiu Porcelis.

A primeira parte não terminou sem nova polémica, quando Porcellis (42) reclamou falta cometida por Yuri Ribeiro na grande área.

Heri, que protagonizara aos 33 minutos o único lance de golo das 'águias' na primeira arte, abriu o marcador para o Benfica B aos 48 minutos em lance de contra-ataque, lançado por Diogo Gonçalves.

O contra-ataque do Benfica B foi letal e, numa inversão de papéis, Heri lançou Diogo Gonçalves para o 0-2, sobre a hora de jogo. A resposta do Leixões surgiu através de Miguel Ângelo (72), após canto, com o Benfica B a reclamar falta sobre o guarda-redes.

Jogo no Estádio do Mar, em Matosinhos.

Leixões - Benfica B, 1-2.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

0-1, Heri, 48 minutos.

0-2, Diogo Gonçalves, 60.

1-2, Miguel Ângelo, 72.

Equipas:

- Leixões: Assis, André Teixeira, Silvério, Wellington (Tino, 71), João Lucas, Salvador, Bruno China (Miguel Ângelo, 61), Bruno Lamas, Ludovic (Fatai, 61), Fati e Porcellis.

(Suplentes: Nuno Pereira, Abalo, Rui Cardoso, Lionel Enguene, Miguel Ângelo, Fatai e Tino).

Treinador: António Carvalho.

- Benfica: André Ferreira, Rodrigo Escoval (Pedro Amaral, 46), Rúben Dias, Ferro, Yuri Ribeiro, Pêpê, Florentino Luís, Buta, Heri, Diogo Gonçalves (Jota, 71) e Zé Gomes (Gedson, 57).

(Suplentes: Zlobin, Romário, Pedro Amaral, Jota, João Felix, Luquinhas, Gedson).

Treinador: Hélder Cristóvão.

Árbitro: João Bento (AF Santarém).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Rodrigo Escoval (19), Yuri Ribeiro (67) e Gedson (86). Cartão vermelho direto para Buta (39).

Assistência: cerca de 1.300 espetadores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG