Sam Sunderland ganha oitava etapa e Ekström vence etapa nos automóveis

Sam Sunderland concluiu os 395 quilómetros cronometrados entre Al Dawadimi e Wadi ad Dawasir, na Arábia Saudita, em 3:48.02 horas. Mathias Ekström venceu esta segunda-feira a oitava etapa dos automóveis do rali Dakar de todo-o-terreno.

O piloto britânico Sam Sunderland (GasGas) venceu esta segunda-feira a oitava etapa das motas no rali Dakar de todo-o-terreno e recuperou a liderança da competição, perdida na véspera.

Sunderland concluiu os 395 quilómetros cronometrados entre Al Dawadimi e Wadi ad Dawasir, na Arábia Saudita, em 3:48.02 horas, deixando na segunda posição o chileno Pablo Quintanilla (KTM), a 2.53 minutos, com o austríaco Mathias Walkner (KTM) a ser terceiro, a 4.11.

O português Joaquim Rodrigues Jr. (Hero) ocupa, provisoriamente, a oitava posição na etapa, a 9.58 minutos do vencedor, enquanto Rui Gonçalves (Sherco) foi 14.º e António Maio (Yamaha) 22.º.

Na geral, Sunderland recuperou o comando da classificação das motas, perdido na véspera, até porque o anterior líder, o francês Adrien van Beveren (Yamaha), teve de abrir a pista e foi apenas nono, a 10.21 minutos.

Sunderland lidera, com o tempo de 27:38.42 horas, tendo, agora, 3.45 minutos de vantagem sobre Mathias Walkner e 4.43 sobre Van Beveren.

Joaquim Rodrigues Jr. ocupa, provisoriamente, a 15.ª posição, enquanto António Maio é 25.º e Rui Gonçalves 27.º.

Ekström vence etapa nos automóveis e Loeb ganha tempo ao líder

O sueco Mathias Ekström (Audi) venceu esta segunda-feira a oitava etapa dos automóveis do rali Dakar de todo-o-terreno, entre Al Dawadimi e Wadi ad Dawasir, na Arábia Saudita, conquistando o primeiro sucesso na prova.

O piloto do elétrico e-tron gastou 3:43.21 horas para cumprir os 395 quilómetros cronometrados, batendo o companheiro de equipa, o francês Stéphane Peterhansel (Audi), por 49 segundos, com o também francês Sébastien Loeb (BRX) em terceiro, a 3.08 minutos.

Com este resultado, Loeb recuperou cerca de sete minutos face ao líder da classificação geral, o catari Nasser Al-Attiyah (Toyota), que esta segunda-feira foi 10.º classificado.

Al-Attiyah manteve o comando da prova, agora com 37.58 minutos de vantagem sobre Loeb e 53.13 sobre o saudita Yazeed al-Rajhi (Toyota).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG