Violência doméstica: Mulher assassinada já tinha feito queixa às autoridades

Ainda o ano não vai a meio e contam-se já 16 as mulheres mortas em contexto de intimidade em 2019. Números que têm por base as notícias que têm sido reveladas e que não param de disparar (em 2018, o relatório da União de Mulheres Alternativa e Resposta tinha contabilizado 28 mulheres assassinadas). Na manhã de terça-feira, 18 de junho, foi detido, na zona da Penha de França, em Lisboa, um homem de 44 anos, suspeito da prática do crime de violência doméstica contra a companheira. A mulher, desempregada, tinha 42 anos. A informação foi veiculada pelo Comando da Polícia […]

Para saber mais clique aqui: www.delas.pt

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG