Taylor Swift salva loja de discos, Dolly Parton doa um milhão para vacina. E há mais...

Por todo o mundo vários artistas oferecem donativos financeiros para hospitais e bancos alimentares. Já somam vários milhões de dólares.

A cantora Taylor Swift decidiu pagar três meses do seguro de saúde dos funcionários de uma discoteca da sua terra natal, Nashville, para evitar que o estabelecimento feche as portas. Os responsáveis da loja foram surpreendidos com o gesto da cantora, podendo agora fazer face a outras despesas. Esta não foi a única doação que Swift fez, também já deu um milhão de dólares para bancos alimentares americanos.

Dolly Parton ofereceu também um milhão de dólares para laboratórios que estão a tentar fabricar uma vacina contra a covid-19. Ao mesmo tempo decidiu fazer no YouTube vários vídeos a contar histórias infantis para distrair as crianças.

Jay-Z e Rihanna doaram cada um uma verba de um milhão de dólares para ajudar trabalhadores ilegais, crianças e funcionários da linha da frente do tratamento ao coronavírus.

O cantor Billy Joel está a fazer vários donativos para ajudar os médicos, enfermeiros e profissionais de saúde. Já concedeu 500 mil dólares para a compra de equipamentos e vai fazer outras doações nos próximos dias.

Shawn Mendes é outro cantor que está a ajudar as vítimas da pandemia. Já ofereceu 175 mil dólares a um hospital de Toronto que trata de crianças infetadas.

Selena Gomez ofereceu a um hospital, onde já foi tratada, várias máscaras para proteção e ventiladores.

O cantor James Taylor doou também um milhão de dólares para um hospital de Massachusetts para compensar o esforço do pessoal médico e de outros funcionários no tratamento de doentes infetados.

Lady Gaga fez a sua doação para um banco alimentar de Nova Iorque.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG