Uma música por dia: Luís Severo, "Planície"

O músico português apresenta-se no domingo no festival Bons Sons.

Este fim-de-semana há Bons Sons na aldeia de Cem Soldos (Tomar). Este é um festival único, não só porque é organizado pela associação cultural da terra com a ajuda da população e de muitos amigos, sem objetivos comerciais (o dinheiro conseguido é para investir na aldeia), mas também porque a programação, só com música portuguesa, é de grande qualidade. Este ano, por exemplo, temos Norberto Lobo, Tomara, João Afonso, Sara Tavares, Zeca Medeiros, Paus, Conan Osíris, Lena D'Água e Linda Martini.

No domingo, pelas 18.30, o palco Giacometti será ocupado por Luís Severo com a sua banda. O músico de 26 anos traz temas dos seus dois únicos álbuns: Cara D'Anjo (2015) e Luís Severo (2017), com músicas como Escola, Boa Companhia e Planície (Tudo Igual). Será uma das últimas oportunidades para ver Luís Severo ao vivo antes de ele voltar para estúdio para gravar o próximo disco.

O videoclipe de Planície (Tudo Igual) foi realizado por Luís Henrique e Núria Léon Bernardo entre maio e outubro de 2017, o que significa que atravessa três estações - primavera, verão e outono. O resultado é este:

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?