Louis C.K. regressa ao palco com uma ovação após escândalo sexual

O comediante afastou-se da ribalta depois de ter sido acusado de se masturbar em frente a colegas.

Tinha prometido não regressar à ribalta, depois de ter admitido as acusações de assédio sexual, mas a cara de Saturday Night Live está de volta à comédia. De acordo com o The New York Times, este domingo Louis C.K. fez uma aparição surpresa no espetáculo New York"s Comedy Cellar, num clube norte-americano e foi recebido com uma ovação.

Entre referências a racismo e dicas para os empregados de mesa, fez uma exibição de 15 minutos que Noam Dworman, dono do Greenwich Village club, diz ter sido "típico Louis C.K.". E foi de tal forma que o responsável do espaço ficou convencido que poderia estar a testemunhar o início de uma nova era para Louis C.K.. "Parecia que ele estava a testar novo material, quase como todas as vezes nos últimos dez anos em que ele cá vinha antes do início de algum novo ato", explica.

Mo Amer, um outro comediante presente no clube nova-iorquino, foi surpreendido com a chegada de Louis ao palco. Descreve a exibição do ator como um momento "wow", de surpresa, para o público de 115 pessoas, que lhe respondeu com uma ovação.

É um regresso inesperado depois do escândalo sexual em que se envolveu em 2017. O ator, comediante e argumentista norte-americano foi acusado de se masturbar à frente de colegas - entre elas Dana Min Goodman e Julia Wolov, também comediantes. Depois de confirmar as acusações, explicou que iria, inclusive, afastar-se do olhar público.

Louis C.K. conta já com vários Emmys e uma longa carreira no stand up e na televisão.

Ler mais