Ator Kevin Hart vai apresentar os Óscares de 2019

Ator e comediante anunciou no Instagram que vai apresentar a cerimónia em fevereiro.

O ator e comediante Kevin Hart será o apresentador da próxima cerimónia dos Óscares, marcada para 24 de fevereiro de 2019.

Hart anunciou a novidade na sua conta de Instagram, lembrando que há anos que lhe perguntam se será ele a apresentar os Óscares e ele dá sempre a mesma resposta: "Acontecerá quando tiver que acontecer". Parece que é agora: "Estou muito feliz por dizer que chegou finalmente o dia em que vou apresentar os Óscares." E ele está feliz, diz, porque isto estava na sua lista de desejos há já bastante tempo: "Juntar o meu nome à lista de apresentadores que têm pisado aquele palco é incrível. Sei que a minha mãe está a sorrir de orelha a orelha neste momento."

Kevin Hart promete que fará tudo para que a cerimónia dos Óscares deste ano ano "seja especial".

O ator de 39 anos é conhecido por filmes como Jumanji: Bem-vidos à selva (2017), A Turma da Noite (2018) e Polícia em Apuros (2014) e tem também uma longa carreira como humorista. Este ano, andou em digressão com espetáculo de stand-up comedy intitulado Irresponsible. Além disso, tem experiência como apresentador nos prémios MTV. Veja-o, no palco dos MTV Video Movie Awards deste ano, ao lado de Tiffany Haddish:

Chris Rock, que apresentou a cerimónia dos Óscares em 2016 e 2005, já reagiu à notícia: "Raios, perdi outro trabalho para Kevin Hart", escreveu no Instagram (numa referência ao monólogo de há dois anos), acrescentando: "Escolheram a melhor pessoa para o trabalho."

Ler mais

Exclusivos

Premium

Saúde

Empresa de anestesista recebeu meio milhão de euros num ano

Há empresas (muitas vezes unipessoais) onde os anestesistas recebem o dobro do oferecido no Serviço Nacional de Saúde para prestarem serviços em hospitais públicos carenciados. Aquilo que a lei prevê como exceção funciona como regra em muitas unidades hospitalares. Ministério diz que médicos tarefeiros são recursos de "última instância" para "garantir a prestação de cuidados de saúde com qualidade a todos os portugueses".