Exclusivo As cine-jóias do Nilo

O Cairo International Film Festival convidou o DN em exclusivo nacional para a imprensa escrita. Um festival de capital humano significativo que termina esta noite e que revelou autores emergentes, colocando no mapa o cinema do Médio Oriente. Sem estrelas de Hollywood mas com lições de cinema de um mestre, Béla Tarr.

O mais significativo festival de cinema árabe termina hoje e sente-se no ar uma nova força, uma outra afirmação. O Festival de Cinema do Cairo já vai na 44.ª edição e é de lista A, um evento fundamental para divulgar o cinema do Médio Oriente mas também para trazer a estas partes do planeta o novo cinema do mundo. "Cinema do mundo" muitas vezes associa-se ao cinema vindo dos países mais remotos, mas na programação deste festival há uma curadoria que faz da mistura um trunfo. Um festival que é também um ponto de encontro para fundos e agentes da indústria discutirem possibilidades de financiamentos. De alguma forma, sente-se o meso do mercado com centenas de convidados europeus e uma escala de fazer inveja aos maiores festivais europeus.

Sem a obsessão de mostrar antestreias mundiais, cada vez mais são importantes algumas das estreias como, por exemplo, L'Astronaut, um pequeno filme francês de Nicolas Giraud, com Matthieu Kassovitz. Pequeno mas com ambições de ser grande: é um projeto de ficção-científica sobre um astronauta frustrado que decide ele próprio construir num foguete e viajar até ao espaço. Trata-se de uma história que recupera a tradição do cinema de Hollywood dos anos 1980 na sua mais fecunda ingenuidade. Cinema de entretenimento francês que parece contra-corrente nestes dias. Na sessão de gala na belíssima Ópera do Cairo teve uma fulminante receção e Giraud foi aclamado com histeria, embora, sejamos francos, é um filme com problemas de ritmo e uma falta de empatia com a própria mecânica do "sonho impossível". Em França estreia-se em fevereiro e pode ser que possa surpreender e até alvo de uma possível abordagem americana para remake.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG