Samsung processa Apple por infração de patentes

A Samsung responde ao rival Apple com um novo processo, dizendo que o mais recente iPhone infringe as suas patentes. A luta pelo domínio da industria dos gadgets continua.

Segundo a agência Reuters, o gigante coreano fez chegar o processo aos tribunais norte-americanos na passada terça-feira. "Não temos escolha senão em tomar os passos necessários para proteger as nossas inovações e os nossos direitos de propriedade intelectual", disse a Samsung em comunicado. A marca antecipou ainda que irá apresentar uma moção para acrescentar o iPhone 5 à lista de contendas de infrações da Apple que existe nos tribunais.

"Com base na informação disponível, a Samsung espera que o iPhone 5 infrinja patentes, da mesma forma que os outros modelos da marca o fizeram", disse ainda a multi-nacional, sediada na Coreia.

O processo segue na sequência de outro processo judicial, imposto pela Apple, que proibiu temporariamente as venda do Galaxy tab 10.1. A Apple saiu vencedora, depois de serem provadas as infrações de patente do seu tablet em relação ao iPad.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.