eBay vende 65% do Skype por 1900 milhões de dólares

A empresa de compra e venda electrónica eBay anunciou terça-feira a venda da participação maioritária da Skype, um serviço de chamadas através da Internet, por 1.900 milhões de dólares (1.336 milhões de euros).

O acordo alcançado com um grupo de investidores liderado por Silver Lake põe fim a vários meses de conjecturas sobre o futuro do Skype, um serviço muito popular e rentável de chamadas telefónicas e de vídeo-chamadas via Internet.

O eBay tinha adquirido este serviço em 2005, numa transacção considerada por alguns analistas como a pior desta década no sector das tecnologias.

"O Skype é uma empresa sólida por si só mas não tem sinergias com os nossos negócios de comércio electrónico e pagamentos em rede", considerou o director do eBay, John Donahoe.

O director do eBay, que assumiu a direcção da empresa em Março de 2008, começou imediatamente a procurar alternativas para o Skype e um ano mais tarde anunciou que pretendia alienar aquele serviço, através de uma oferta pública de venda de acções em 2010.

No entanto, Donahoe não descartou a possibilidade de vender daquele serviço caso os interessados avaliassem adequadamente o Skype e oferecessem mais de dois mil milhões de dólares por ele.

"O acordo cumpre com o nosso objectivo de gerar rentabilidade a curto e longo prazo para o eBay e os seus accionistas, sem os possíveis atrasos e riscos de uma oferta pública de venda", afirmou.

O acordo alcançado, que avalia o Skype em 2.750 milhões de dólares (1.934 milhões de euros), prevê a venda de 65 por cento das acções da Skype por 1.900 milhões de dólares (1.336 milhões de euros) em dinheiro, além de uma nota promissória de 125 milhões de dólares (87,9 milhões de euros), mantendo o eBay uma participação de 35 por cento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG