Cuidado com suposto vídeo de Emma Watson nua. Instala vírus no computador

A atriz Emma Watson está a ser utilizada por piratas informáticos para infetar computadores com software malicioso.

Um alegado vídeo com imagens da atriz nua é o "isco" para instalar no computador de quem o tenta ver vários Trojan capazes de sequestrar sessões de Facebook, ler dados pessoais como números de telefone ou de cartões de crédito ou até, quando descarregados para smartphones, enviar sms para números de valor acrescentado.

O alerta foi hoje lançado pela empresa de segurança informática Bitdefender.

O chefe de estratégia de segurança da empresa, Catalin Cosoi, explicou ao site especializado Digital Spy como a pirataria se processa: "Tudo começa com um comentário de Facebook prometendo revelar vídeos privados de Emma Watson. Esses comentários são criados automaticamente através de utilizadores infetados com o 'malware'. Quando os utilizadores clicam nos links, são direcionados para uma página falsa do YouTube".

A página diz então às vítimas que para verem o suposto vídeo têm de atualizar o 'player' Flash do computador. Na realidade, o link em que clicam descarrega os ficheiros maliciosos.

O esquema surge na sequência da falsa história que prometia a divulgação de fotos da atriz de Harry Potter roubadas do seu telefone. Uma campanha que foi lançada online após Emma Watson ter lançado uma campanha nas Nações Unidas a promover a igualdade de géneros.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG