Carro a vento bate recorde mundial de velocidade

O engenheiro britânico Richard Jenkins atingiu uma velocidade superior a 200 quilómetros por hora (202,9) num carro movido a vento, baptizado Greenbird.

Trata-se de um novo recorde mundial. Segundo noticiou a BBC, a façanha foi realizada na planície do lago Ivanpah, no estado americano do Nevada.

O desenvolvimento do Greenbird obrigou a um trabalho de dez anos. Na realidade, trata-se de um carro de fibra de vidro que usa uma vela rígida. A forma está concebida para que o vento não possa dar-lhe um impulso ascendente, o que tornaria as altas velocidades demasiado perigosas. Tal como na Fórmula 1, o Greenbird tem pequenas asas que seguram a estrutura ao solo.

Segundo Jenkins, citado pela BBC, o peso total do Greenbird é de 600 quilos. O valor serve para o veículo estático, pois o efeito aerodinâmico das asas aumenta o peso em altas velocidades. Então, o carro pesa o equivalente a uma tonelada.

O anterior recorde de velocidade para um carro movido a vento foi estabelecido pelo americano Bob Schumacher, que atingiu 186 quilómetros por hora a bordo de um veículo chamado Iron Duck. O engenheiro britânico pensa ter uma boa margem para manter o seu recorde e tenciona desenvolver um carro de vento para correr em gelo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG