Adiada última viagem do vaivém 'Discovery'

A agência espacial norte-americana decidiu adiar até final do mês o lançamento do Discovery, depois de detectar uma fuga de hidrogénio no reservatório externo. Depois de 26 anos ao serviço da NASA, esta deve ser a última viagem do vaivém à Estação Espacial Internacional, antes de ir para um museu.

"O lançamento é anulado até 30, para haver tempo de reparar a fuga", afirmou Allard Beutel, porta-voz do Centro Espacial Kennedy. A NASA terá depois até 5 de Dezembro para efectuar o lançamento do Discovery, antes de voltar a perder a janela de oportunidade. "Queremos ter a certeza, quando fizermos a reparação, que compreendemos a causa da fuga e assegurar que ela não volta a acontecer", indicou também Mike Moses, director responsável pela missão. "Temos de levar algum tempo e não nos precipitar", acrescentou.

Esta é a quinta vez que o lançamento é adiado. Estava previsto inicialmente para 1 deste mês, mas pequenos problemas técnicos obrigaram a adiar em três ocasiões. À quarta vez, a culpa foi da meteorologia. Duas horas antes do lançamento na sexta-feira, foi detectada a fuga de hidrogénio. Na última missão do Discovery, seguem a bordo seis astronautas e um novo módulo de armazenamento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG