Os falsos mitos das grávidas

Não usar fios e cintos que batam na barriga para não fazer mal ao bebé ou satisfazer os desejos da mãe sob o risco de a criança não nascer feliz são algumas crenças antigas, mas que ainda hoje dão dores de cabeça às grávidas.

Os palpites das mães, avós e sogras são muitas vezes factor de ansiedade, mas a maioria não tem suporte científico e hoje as futuras mães já são mais informadas. Mas o excesso de informação também pode ser prejudicial.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG