Químico contra cancro da mama eficaz no cancro do pulmão

O tamoxifeno, um medicamento utilizado para o tratamento de algumas formas de cancro da mama, pode também contribuir para reduzir a mortalidade em pessoas com cancro do pulmão, segundo um estudo publicado hoje, segunda-feira, no norte-americano "The Cancer Journal" e citado pela Agência France Press.

Estudos anteriores tinham já demonstrado que as mulheres que faziam terapia hormonal com estrogénio - para reduzir os efeitos da menopausia - tinham um risco maior de morrer por câncer de pulmão. Uma vez que o tamoxifeno é um medicamento que bloqueia o estrogénio, este pode melhorar a sobrevivência em pessoas com cancro de pulmão.

Cientistas examinaram 6.655 mulheres que tiveram cancro da mama entre 1980 e 2003, segundo o registo de tumores de Genebra, das quais 3.066, ou 46%, receberam tratamento com antiestrogénios.

O estudo, coordenado por Elisabetta Rapiti, que acompanhou a saúde das mulheres até 2007, mostra que as pacientes que receberam antiestrogénios tiveram 87% menos risco de morte com cancro do pulmão que as outras.

Ler mais