87% das mulheres fazem contracepção

Entre as mulheres portuguesas que não desejam engravidar 87% usam algum método contraceptivo, revela a a Associação para o Planeamento Familiar.

Cerca de 87% das mulheres sexualmente activas, que não estão grávidas nem à espera de engravidar, usam algum método contraceptivo, revelou hoje a Associação para o Planeamento Familiar. “A diferença é abissal relativamente aos dados de 1980, altura em que havia apenas 70% de mulheres a fazerem algum tipo de contracepção”, observa Duarte Vilar, director executivo da APF.

Actualmente, do total de mulheres que toma precauções, 67% usam a pílula contraceptiva. O preservativo surge em segundo lugar como opção para 14% das mulheres, seguido pelo DIU com 8% das preferências. A laqueação das trompas representa 5% das medidas contraceptivas e o coito interrompido surge como última opção.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.