Primeiras imagens de Vesta a baixa altitude

Sonda Dawn, da NASA, fez retratos da superfície do asteróide a cinco quilómetros de altitude

Sulcos longos, crateras profundas, a maior montanha do sistema solar e afloramentos de materiais brilhantes, que reflectem a luz do sol, e de outros que a absorvem, e por isso surgem mais escuros nas imagens, eis a visão mais próxima de sempre do asteróide Vesta, o segundo maior do sistema solar. As novas imagens foram registadas pelas câmaras da sonda Dawn e revelam uma nova face de Vesta.

Leia mais pormenores no e-paper do DN

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG