'Lucy' caminhava como nós

Um pequeno osso fossilizado descoberto em África ajudou agora a resolver um enigma sobre o hominídeo Australopithecus afarensis.

A descoberta de um pequeno osso do pé da "avó" mais famosa da humanidade revelou que o Australopithecus afarensis, que viveu entre há 3,7 e 2,9 milhões de anos, já caminhava como o homem moderno.

Esse fóssil do quarto metarso (correspondente ao quarto dedo do pé), o primeiro desse tipo que se encontrou deste hominídeo, foi escavado em Hadar, na Etiópia, e tem a forma arqueada necessária à locomoção bípede, que é exclusiva da espécie humana.

Essa era uma incógnita que subsistia em relação a Lucy. O estudo do achado, que é publicado na revista Science,veio agora resolver o enigma.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG